Decisão da Justiça derruba flexibilizações da ONDA ROXA em Divinópolis


O Juiz Ather Aguiar, da Vara de Fazenda Públicas e Autarquias, em primeira instância determinou que Divinópolis terá de suspender todas as atividades não essenciais, e se readequar ao enquadramento da Onda Roxa, do Plano Minas Consciente do Governo do Estado –  Com isso é determinado a suspensão da nota explicativa do decreto municipal 14.298/2021, e que chegava a permitir, por exemplo as celebrações religiosas de até 40 minutos, além do atendimento em balcões nos comércios, serviços e delivery entre outras permissões – Juiz determinou ainda que a não observância de decisão judicial acarretará na aplicação de multa no valor de R$ 50 mil reais para cada dia de mora. E intimou o município a se manifestar com a máxima urgência, no prazo máximo de  72 horas.   

Vinícius Xavier

Formou-se em Comunicação Social/Jornalismo pela Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) - Unidade Divinópolis. Com 10 anos de carreira, entrou no Divinews em fevereiro de 2021. Cobre várias frentes, sendo atualmente repórter multieditorial. Tem interesse em pautas da ciência, cultura, entretenimento, futebol e política.

17 comentários em “Decisão da Justiça derruba flexibilizações da ONDA ROXA em Divinópolis

  • 14 de abril de 2021 em 16:59
    Permalink

    Discordo da decisão.Se povo não trabalhar não morre de covid maia morre de fome ou suicida por desespero de nao poder sustentar própria família.Quantas empresas já fechando, quantas desempregados.
    A população tem ter consciência ter cuidados devidos e governo punir empresas que não seguirem normas e multa mesmo as pessoas que andam sem máscara na rua .
    Fecha tudo aí pessoal vai pra sitio vai reunir e melhor deixar povo trabalhar.

    Resposta
  • 14 de abril de 2021 em 16:09
    Permalink

    Por isso curso direto , só a justiça pra Barrae esse delinquente inrresponsavel, conivente a morte, aprendiz do Bolsonaro, fora e leve sua prole junto.

    Resposta
    • 15 de abril de 2021 em 08:52
      Permalink

      se voce cursa direito é esperto e que mamar nas tetas do governo e passar para tras os brasileiros, desde quando advogado gosta de trabalhar?

      Resposta
  • 14 de abril de 2021 em 15:15
    Permalink

    Esse pessoal que está concordando com está atrocidade de fechar o comércio novamente deveria se identificar pois no mínimo devem ser pessoas que estão combo salário garantido cambada de vagabundos que querem continuar sem trabalhar mas mamando nas tetas do estado…

    Resposta
  • 14 de abril de 2021 em 15:11
    Permalink

    O que o prefeito tem a ver com isso? O cara da 1 SEMANA de feriado e o que o pessoal da cidade faz? Vai pra festas e aglomerações. Fechar comércio não resolve nada não parceiro, mas provavelmente você é empregado e não pensa que se seu patrão ficar sem ter como te pagar você vai quebrar junto. Ou algum playboy que não precisa trabalhar.

    Resposta
  • 14 de abril de 2021 em 15:04
    Permalink

    Esse juiz já tem comida na mesa todos os dias com o salário gordo dele né, fazer isso é fácil. Quero ver ele tirar uma parte do salário para ajudar os mais necessitados que estão passando dificuldade com o comércio fechado.
    Andar de ônibus lotado não pega covid né senhor Juiz? O que pega covid é cliente comprar uma roupa e pegar na porta, ou pegar a comida no restaurante..
    Nessa sou a favor do prefeito, recorra com todas as forças e deixa o povo trabalhar.

    Resposta
  • 14 de abril de 2021 em 14:56
    Permalink

    Agora só quero saber se o trio de papagaios barueira vão peitar essa decisão judicial!

    Resposta
  • 14 de abril de 2021 em 14:49
    Permalink

    zema mais fraco de todos os governos de mg

    Resposta
  • 14 de abril de 2021 em 14:18
    Permalink

    Deveria recorrer. Vejo a necessidade de distanciamento nos ônibus coletivos proibindo passageiro em pé. O Prefeito deve exigir mais ônibus observando a necessidade e indenizar a empresa nesse custo. Analisar os horários das atividades para dividir trabalhadores e consumidores.
    Parar comércio e indústria é produzir morte pela miséria.

    Resposta
  • 14 de abril de 2021 em 14:15
    Permalink

    Impeachment já desse in delinquente prefeito Azevedo e de sua vice Janete que é metida a saber tudo e não sabe nada e de péssima pessoa!!

    Resposta
    • 14 de abril de 2021 em 16:15
      Permalink

      Parabens Dr. Ather está na hora se colocar esses Azevedo no seu devido lugar, prefeitinho sem noção da realidade BH está toda fechada lá o índice de contágio despencou os hospitais normalizaram e aqui esse prefeitinho de bosta arreganha o comércio enquanto a cidade está um caos, hospitais e Upa lotados e índice de contágio acima de 1. E Todo dia 10 mortes.

      Resposta
  • 14 de abril de 2021 em 14:11
    Permalink

    Até que enfim,,a Justiça,ta colocando este governo,de Divinópolis,no seu lugar,, Prefeito,vc vai recorrer? Recorre, contra as mortes pela pandemia,tb, São cidadão da terra, morrendo por irresponsabilidade, tanto dos governantes, quanto dos irresponsáveis que não cumprem o isolamento.. ÓTIMA NOTÍCIA..

    Resposta
    • 15 de abril de 2021 em 08:59
      Permalink

      Brasil pais de bananas, precisa de governador e prefeito para forçar a população ficar em casa? onde esta direito de cada brasileiro de ir ou vim? fica quem quer vai quem quer.
      não esqueçam pessoas que somos nós que pagamos os salarios deles e sao eles que nao querem deixar trabalhar, simples demais , o deles esta garantido.

      Resposta
  • 14 de abril de 2021 em 14:01
    Permalink

    eu acho é pouco, prefeito querendo ser mais que governador

    Resposta
    • 14 de abril de 2021 em 15:21
      Permalink

      Esse juiz ai que fez isso e esse vagabundo desse zema aposto que estão recebendo em dia. Pq eles não pagam os boletos dos comerciantes e aí vem um bando de hipócritas com esse papinho ai

      Resposta
    • 14 de abril de 2021 em 15:53
      Permalink

      Parabéns a esse juiz. O prefeito não pode fazer apologia a morte humana em favor da morte financeira. Perfeito primeiro paramos de adoecer depois retornamos a realidade.

      Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PODCAST: escuta essa!!