CORONAVÍRUS: Secretaria de Saúde de Divinópolis devido ao protocolo não monitora grupo que chegou da Itália


Doze moradores de Divinópolis que chegaram da Itália no último dia 9, ocasião em que participaram de evento religioso naquele país, receberam orientações quanto aos sintomas do coronavirus e presume-se que estejam em auto quarentena. Já que é a pessoa responsável pela excursão é quem monitora os demais membros, no caso de aparecer algum tipo de sintomas da doença ela seja comunicada para que ela informa as autoridades sanitárias do municipio –  Janice Soares, diretora da Vigilância em Saúde do municipio, explica que o protocolo do Ministério da Saúde é fazer o isolamento domiciliar somente quando a pessoa apresentar algum tipo dos  sintomas, então ela passa a fazer parte das estatísticas como suspeito e o exame de detecção da doença é realizado, para posterior confirmação, ou não.

A diretora, seguindo o protocolo do Ministério afirmou: “A responsável pela excursão é que está mais em contato com eles e ficou de nos informar caso haja alguém com aparecimento dos sintomas”

O questionamento que se faz a respeito do protocolo do Ministério da Saúde, é que: como o tempo de incubação são 14 dias, posteriormente, quando aparecem os sintomas do coronavirus, se esta pessoa não ficou em quarentena, possivelmente ela pode ter transmitido a doença para outras diversas pessoas.

Um comentário em “CORONAVÍRUS: Secretaria de Saúde de Divinópolis devido ao protocolo não monitora grupo que chegou da Itália

  • 12 de março de 2020 em 12:17
    Permalink

    Itália vive uma crise de coronavírus sem precedentes, mesmo assim alguns burros divinopolitanos vão até lá se infectar.

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PODCAST: escuta essa!!