Presídio Floramar em Divinópolis sofre intervenção administrativa; diretores e coordenadores são destituídos dos cargos

Publicado por: Redação

Conforme informações de confiável fonte, porém, ainda não confirmadas oficialmente, o Presídio Floramar localizado em Divinópolis, na manhã desta última quinta-feira (01), teria sofrido intervenção administrativa, pelo Secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, General Mário Lucio Alves de Araújo, que em visita ao presidio, ainda conforme a fonte, teria encontrado algumas não conformidades, e por essa razão afastou a diretora geral da unidade prisional, Elizabeth Pinheiro Fernandes, além de um outro diretor, o de Segurança, e mais seis coordenadores – A informação é que o diretor da Penitenciária de Formiga, assumiu interinamente a Floramar, até que em 40 dias um novo diretor seja escolhido pelos próprios agentes – A fonte relata também que, o telefone da Floramar foi cortado por falta de pagamento há algum tempo daí a dificuldade em obter informações.  ( EM ANDAMENTO …. ) – NOTA DO DIVINEWS: TAL INFORMAÇÃO NÃO SE CONFIRMOU PELA SECRETARIA 

 

Continua depois da publicidade

comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estamos felizes por você ter escolhido deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de privacidade.

  1. antonio disse:

    a fonte do glenn e russa , que hackeou ate as eleiçoes americanas , portanto e uma tecnogia mais sofisticada do mundo , ela nao e de araraquara conforme querem nos fazer acreditar e alem do mais tem coisa ainda muito mais pesada. e so aguardar.

  2. Mariana Souza disse:

    Tenho vários amigos lá e falaram que a informação não procede, é verdade apenas a parte do telefone, que segundo falaram, a conta vai direto p o Estado pagar, não passa pela Penitenciária. Sua fonte confiável está pior que a fonte do Glenn Greenwald.!

Continua depois da publicidade