Cleitinho Azevedo (PSC), candidato a senador por Minas Gerais, de arma em punho aprende a atirar


Em imagens que estão circulando em redes sociais, mais especificamente em grupos de WhatsApp, e foi postado recentemente no stories do próprio perfil do Instagram de Cleitinho Azevedo, que tem mais de 400 mil seguidores. O candidato ao Senado pelo PSC, Partido Social Cristão, aparece segurando uma arma, que para quem não entende do assunto  pode ser um fuzil ou mesmo uma metralhadora.  Mas é fato que é mais um mau exemplo vindo de quem é formador de opinião. É de fato uma postura questionável de um representante político  – O parlamentar estadual, desde que passou a ser apoiado explicitamente pelo presidente armamentista Bolsonaro mudou radicalmente de opinião sob os mais variados aspectos da vida.   

O Brasil enfrenta a triste realidade de ser um dos países com maior número de pessoas mortas por disparos de arma de fogo. Para se ter uma ideia, o Senado Federal, justamente a instância onde Cleitinho pretende atuar, chamou atenção para a gravidade da situação no Brasil, com dados que revelam que no ano passado foram mais de 41 mil assassinatos no país, quase 5 casos por hora! O SIM, Sistema de Informação de Mortalidade, do Ministério da Saúde, aponta que no ano passado foram 3878 mortes por armas de fogo no Brasil, um crescimento de 24,5% na comparação com 2020.

O número de mortes por armas de fogo segue aumentando de forma absurda no Brasil. O Atlas da Violência do governo federal mostra a evolução da situação de 1989 até 2019 e revela uma situação triste e preocupante. Ao longo desses 30 anos as mortes por arma de fogo no Brasil mais do que dobraram.

Quando os números começaram a ser registrados, em 1989, Minas Gerais teve 432 casos de mortes por arma de fogo. Já em 2019, o estado teve 1879 casos, ou seja, um crescimento de mais de 300%. E entre os motivos que explicam esse cenário está, justamente, o aumento da facilidade de acesso a armas de fogo. Nos últimos anos, durante o governo de Jair Bolsonaro, o governo flexibilizou as regras para o registro de armas e a situação se agravou. A CTB, Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil alertou que o país concentra menos de 3% da população mundial, mas responde por mais de 20% dos assassinatos registrados no mundo. Mais do que nunca, são necessárias ações para frear o acesso às armas e as fotos de Cleitinho mostram o despreparo e a ausência de bom senso de quem quer representar Minas Gerais no Senado.

Despreparo e mau exemplo

Nas últimas semanas Cleitinho deu várias provas de que ainda nem sequer entende qual o papel de um Senador e mostrou desconhecer o trabalho que diz estar pronto para desempenhar. Enquanto deveria tentar se preparar para a função, continua a fazer dancinhas e vídeos bizarros tentando se mostrar próximo do povo.

Paralelamente à eleição, Divinópolis escancara um dos maiores escândalos políticos de sua história, com uma CPI na Câmara Municipal mostrando que houve superfaturamento de quase R$ 8 milhões em compras feitas pela prefeitura, com omissão e negligência do prefeito Gleidson Azevedo, irmão de Cleitinho. O candidato ao Senado, que até anos atrás prometeu fiscalizar de perto o mandato do irmão, ao invés de cumprir o que disse, prefere aparecer com arma em punho e dar mal exemplo.

É incompreensível e injustificável que um representante público realmente acredite que ser fotografado com uma metralhadora na mão seria uma ideia. E realmente não dá para aceitar que ainda haja pessoas que digam que armar a população é o melhor caminho para resolver o problema em um país onde já há tanta violência.

Faltam menos de duas semanas para as eleições. Será que não há nada mais importante e necessário nas agendas dos candidatos?

11 comentários em “Cleitinho Azevedo (PSC), candidato a senador por Minas Gerais, de arma em punho aprende a atirar

  • 29 de setembro de 2022 em 10:18
    Permalink

    Percebe-se o teor esquerdista na materia, jogando para enfrentamento publico pessoas que querem ter a liberdade de escolher ter ou não uma arma, da mesma forma que escolhem ter ou não um carro, uma faca, um pote de veneno ou qualquer outra coisa que também possa ferir alguem.
    A hipocrisia reina absoluta em comentários nesses veiculos de comunicação mequetrefes, com gente se achando no direito de interferir no direito dos outros de escolha.
    Perigoso pra mim é a população ser desarmada, como ocorreu na venezuela e agora no chile, os mesmos que aqui comentam contra são os primeiros a chorar de medo e ligar para a policia armada quando aparece um monstro na porta de suas casas para atacar suas familias.
    Vão despejar hipocrisia lá no sindicato dos trabalhadores, que é local disso.

    Resposta
  • 22 de setembro de 2022 em 19:18
    Permalink

    Obrigado por me ajudar a decidir meu voto😃

    Resposta
  • 22 de setembro de 2022 em 19:11
    Permalink

    Petistas e pessoas da esquerda parecem não ter inteligência.
    Uma tristeza viu, deveriam estudar mais ao invés de defecar pela internet.

    Resposta
  • 22 de setembro de 2022 em 18:58
    Permalink

    Esse cara nao gravou um video chutando a cara do #MITO em um poster? E Agora é gado de carteirinha?tendi…

    Resposta
  • 22 de setembro de 2022 em 17:53
    Permalink

    Pôxa Cleitinho, não precisava ser assim. Você que mantinha neutralidade, agora tomba-se à Direita e se junta ao que tem de pior na política.
    Você não precisava se unir a Bolsonaro.

    Resposta
  • 22 de setembro de 2022 em 17:03
    Permalink

    Estava em duvida , mas apos a noticia do candidato ão senado ser armamentista.
    Me decide vou votar 200.
    Obrigado Divinews sem essa informação estaria perdido.

    Resposta
  • 22 de setembro de 2022 em 15:08
    Permalink

    Que absurdo Geraldo pegar dados de 1989 e compara-lo ao de 2019, aqui não tem otário não, pega os dados de 8 anos atrás e os compara que vai ver que os assassinatos diminuíram consideravelmente! Bolsonaro em comparação com seu deus Lula deu um banho na diminuição da criminalidade!

    Resposta
    • 22 de setembro de 2022 em 21:46
      Permalink

      Ridículo

      Resposta
  • 22 de setembro de 2022 em 15:04
    Permalink

    Qual o problema em segurar uma arma em um estande de tiro, alguém poderia me explicar!!!!!!!!

    Resposta
  • 22 de setembro de 2022 em 10:38
    Permalink

    O pior é que ainda aparecem centenas ou milhares de “Cidadãos de Bem” para votar num sujeito destes…, não sabe onde está e nem oque está fazendo…
    É lamentável, lastimável e muito perigoso o voto dos brasileiros…, e vamos pra mais 4 ou 8 anos sem crescimento e economia arrochada.

    Resposta
  • 22 de setembro de 2022 em 10:23
    Permalink

    O pior é que ainda aparecem centenas ou milhares de pessoas pra votar em uma criatura destas…, é lamentável, lastimável e muito perigoso o voto dos brasileiros.

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

12  +    =  17