Exclusivo: Reds com dinâmica do acidente que vitimou Glauciara Ribeiro; motorista da Toro se evadiu do local e do Uno não tinha carteira (vídeos e câmeras)


No acidente que ocorreu na madrugada  do último sábado (14) exatamente a 01;54;40 e que matou a candidata ao concurso de rainha e princesa da Divinaexpo, Glauciara Ribeiro, segundo informações contidas no Reds da Policia Militar e que o Divinews teve acesso, o motorista da Fiat Uno que transportava os cinco jovens em seu interior, entre os quais estava Glauciara, ele não tinha carteira de habilitação, e o motorista da Toro que evadiu do local. Posteriormente, já segundo fonte de informação do Divinews foi identificado como Saulo, que foi expulso da PCMG há cerca de oito anos, que ao evadir do local, ainda de acordo com a fonte, teria sido em consequência de ele tomado “cervejinha” e ficou preocupado de que o avaliasse como embriagado  – É fato também que, apesar de sua evasão do local do acidente, as investigações periciais ainda não foram concluídas para identificar quais dos dois motoristas de fato avançou o sinal. Embora existam inúmeras câmeras no local apontadas para os semáforos. 

A reportagem do Divinews esteve no local do acidente e avalia como remotas as chances que nenhuma das câmeras instaladas em estabelecimentos comerciais próximos, sendo três na Rua Pernambuco, e mais duas na Avenida Primeiro de Junho, que estão bem perto dos semáforos não tenham captados o momento do acidente para saber quem de fato avançou o sinal. Isso sem levar em consideração uma câmera de olho vivo que está instalada nas esquinas da Rua Goiás com a Avenida Primeiro de Junho, que pela sua posição e potência de captação de imagens não tivesse conseguido firmar o momento exato da colisão.

Veja a transcrição do Reds, que relata a dinâmica do acidente pela ótica do documento.

– No local deparamos com um acidente de trânsito (colisão) envolvendo dois veículos sendo eles um Fiat Toro e um Uno.

– No momento da nossa chegada as cinoco vitimas que se encontravam no Fiat Uno já haviam sido socorridas por uma equipe do Corpo de Bombeiros, comandada pelo tenente Amaral e pelo sargento Michael e também por equipe do Samu.

– Já o condutor da Fiat Toro não mais se encontrava. Segundo relatos das testemunhas esse teria descido do veículo após o acidente e se encontrava bastante exaltado.

– Logo após teria evadido do local, ainda segundo relatos das testemunhas, o condutor do Toro era de pela clara, alto, usava barba e tinha idade em torno de 50 anos.

– Relata o condutor de Fiat Uno, Allan Lucio Sousa, que havia saído com alguns amigos para ir em uma festa em uma casa de show chama Bruxela. Porém ao chegarem no local não conseguiram entrar, motivo pelo qual decidiram irem embora.

– Enquanto passavam pela Rua Pernambuco ao cruzarem com a Primeiro de Junho colidiram com uma caminhonete Fiat Toro que descia por essa via sentido bairro Esplanada.

– Devido ao impacto o condutor e demais passageiros não se recordam mais detalhes do acidente.

– Allan, relata que perdeu a consciência no momento da colisão e que, quando acordou já se encontrava fora do seu veículo caído no chão, juntamente com os outros ocupantes.

– Relata que no banco do passageiro da frente do Fiat Uno estava Jonathan Felipe de Souza, que no banco traseiro estavam de um lado os passageiros Gleisson Ribeiro Prata e do outro Glaudiara Ribeira Prata, no meio do banco estava Samuel Palmeira da Conceição.

– Segundo o relato constante no REDS, foi dito que: “Em consulta ao sistema foi verificado que Alan (motorista do Uno) não possuía habilitação para conduzir o veículo.

– As vitimas Gleisson Ribeiro Prata e Glauciara Ribeiro Prata foram socorridos em estado grava a sala vermelha do Hospital São João de Deus, e foram atendidos sobre os respectivos prontuários (xxx, e xxx) pelo médico Dr. Alfredo Messias (CRM: xxxxx)

– Segundo o médico que realizou os atendimentos de ambos, o paciente Gleisson Ribeiro Prata apresentava traumatismo craniano, hemorragia intracraniana e escoriações na face, nas nadegas, corte na cabeça e ferimento na orelha esquerda.

– A paciente Glauciara Ribeiro Prata deu entrada no hospital já em óbito.

– As vitimas Alan Lucindo Sousa (condutor) e Jonathan Felipe de Sousa e Samuel Pereira da Conceição foram socorridos em estado menos grava à UPA de Divinópolis, sendo ate4ndidos pelos respectivos prontuários (xxx, xxx, xxx) pelo medico Dr. Paulo Henrique (CRM: xxxxx)

(continua depois do vídeo)

– Alan Lucindo Sousa apresentava lesão nos cotovelos, escoriações na região das costas, lombar e nádegas, corte na testa do lado esquerdo e um corte no couro cabeludo.

– Jonathan Felipe de Souza apresentava quadro de (…. ilegível….) leve, hematomas e escoriações pelo e corte no couro cabeludo.

– Samuel Palmeira da Conceição, apresentava um corte na perna esquerda e escoriações pelo corpo.

– Segundo orientação médica, Alan, Jonathan e Samuel deveriam permanecer internado e em observação médica por no mínimo 12 horas na UPA.

– Compareceu ao local ainda a perita criminal Flávia Carolina S. Portela, que após realizar os trabalhos, liberou o trânsito.

– Foi acionado o ….(ilegível) o qual procedeu a remoção dos veículos para o pátio …. conforme fichas…. Os veículos sofreram danos generalizados.

– No sistema, informa o Reds, consta como proprietária do Fiato Toro, Wanderléia Ap. Diniz.

 

Câmeras olho vivo (esquina da Avenida Primeiro de Junho com Goiás) com

visibilidade  da esquina da Pernambuco com 

 

 

Câmera de estabelecimento comercial na Avenida Primeiro de Junho, próximo ao cruzamento da com Rua Pernambuco

Câmera

Câmeras instaladas em três estabelecimentos comerciais localizados na Rua Pernambuco com visibilidade para o cruzamento com a Avenida Primeiro de Junho

 

 

Legenda da foto: é visto pelo angulo de que o carro que aparece completamente na imagem está na Avenida Primeiro de Junho sentido Esplanada, já está atravessando o cruzamento no momento em que o Fiat Uno também começa a cruzar a avenida primeiro de Junho. O Uno bate inicialmente na frente da Toro, e resvala a batida para a porta do Toro, as imagens pós acidente comprova isso. O farol menor é do Uno que está na Pernambuco.

 

 

Leia também

PCMG emite Nota sobre acidente que vitimou candidata de concurso da Divinaexpo; Extraoficialmente o Divinews obteve informação quem seria o condutor da caminhonete Toro

 

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  +  61  =  70