Vereadora Lohanna França rebate prefeito Gleidson e diz que resposta dada a ela sobre dinheiro da Vale foi “desrespeitosa e infeliz”


Após ser citada em entrevista em uma rádio de Divinópolis pelo prefeito da cidade, Gleidson Azevedo (PSC), a qual o gestor sugeriu que a vereadora Lohanna França (CDN) saísse candidata ao executivo como governadora ou prefeita nas eleições de 2022 ou 2024 e não perdesse tempo com sugestões as decisões do município, a parlamentar respondeu com firmeza e sem medo, na última reunião ordinária da Câmara de Divinópolis. Segundo a edil, o que ela tem feito é apontar caminhos aonde poderiam ser gastos os R$ 15 milhões vindos do acordo da Vale juntamente ao Governo do Estado pela tragédia ambiental em Brumadinho, em janeiro de 2019. A parlamentar diz ter se sentido desrespeitada e que o comentário de Gleidson foi muito infeliz. 

Em contato exclusivo com o Divinews, a vereadora salienta. “É importante dizer que o uso do recurso da Vale é descrito pela lei aprovada na assembleia, e que é permitido o uso do recurso para fins como aquisição de caminhão pipa, reforma de escolas, CRAS e postos de saúde e calçamento, dentre outros. Propus e entendo, sim, que é necessário discutir amplamente a utilização desse recurso com as pessoas envolvidas. Se fosse realizada, teria certamente a presença de representantes de bairros, entidades (como ACID e CDL) e sindicatos.”, salientou.

A parlamentar no entanto levanta outras questões. “Calçamento é muito importante para a dignidade das pessoas e sou sim favorável a gastar com isso. Só destaco que também existem outras demandas urgentes e que também dão dignidade para as pessoas. Temos postos de saúde funcionando em casas alugadas com infraestrutura ruim, escolas em que chove no refeitório, CRAS com sala interditada. Nada disso é também importante?”, questionou.

No complemento, Lohanna disse ter se sentido desrespeitada pelo comentário de Gleidson, que conforme ela mesmo destaca foi infeliz. “Além disso, o prefeito falou que ‘se eu quisesse ser do executivo, era pra que eu concorresse para o cargo de governadora ou prefeita’. Essa é uma fala extremamente infeliz e desrespeitosa, já que a câmara é o espaço de DISCUTIR a cidade. Vereadores representam pessoas e não é ilegal ou imoral discutir no poder legislativo as melhores formas de usar um recurso que veio por uma tragédia que afetou todos os mineiros.”, destacou.

A vereadora Lohanna então conclui com a avaliação de que o montante deve mesmo ser discutido pelos divinopolitanos, afinal é a população quem vai usufruir dos benefícios vindos pelas implementações a serem feitas pela Prefeitura. “Acatar e decidir no final cabe de fato ao executivo, mas ser contra discutir e se negar a ouvir demandas diversas da população é no mínimo estranho.”, concluiu.

As indicações da agente política sobre como poderiam ser gasto o valor de R$15 milhões repassados a Divinópolis, podem ser vistas no perfil oficial da vereadora no Instagram.

Por: Vinícius Xavier

8 comentários em “Vereadora Lohanna França rebate prefeito Gleidson e diz que resposta dada a ela sobre dinheiro da Vale foi “desrespeitosa e infeliz”

  • 8 de outubro de 2021 em 15:07
    Permalink

    tem tambem desvio de funçao em carros publicos ta um festança so enquanto voces brincam de fiscais do executivo

    Resposta
  • 8 de outubro de 2021 em 07:36
    Permalink

    Este prefeito na campanha, dizia com todas as letras que seria um empregado do povo, então que dê ao povo o direito de escolha, e não há outra forma senão atravéz dos nossos representantes legais. Vai fundo Lohanna.

    Resposta
  • 7 de outubro de 2021 em 03:42
    Permalink

    A edil pode contar com a população de bem é desse jeito que faz .
    Kd a usina de asfalto (cabide de vaga na assembléia legislativa )? Os três patetas q sabe tudo , hoje calçamento amanhã camada de asfalto jogada por cima kkkkkkkk .. no governo anterior esperniaram , esbravejaram , pela tal usina , hoje estão no poder kd ? Só bla bla bla 2022 vai ter quase tudo para se eleger , não sei se vai para deputado……..senador………governador presidente………acorda povão .

    Resposta
  • 6 de outubro de 2021 em 22:44
    Permalink

    Correta a vereadora.
    Recursos devem ser discutidos sua utilização com a população.

    Resposta
  • 6 de outubro de 2021 em 20:18
    Permalink

    Estamos com você!

    Resposta
  • 6 de outubro de 2021 em 19:51
    Permalink

    O Sr Gleidson acorda. Calçamento só serve pra encher as ruas de mato e quebrar a suspensão dos carros.
    Só aqui na maior cidade do centro oeste de Minas que segue esse atraso.
    Em todas as cidades vizinhas utilizam asfalto.
    Segue a dica.

    Resposta
    • 7 de outubro de 2021 em 09:33
      Permalink

      Mimimi, o prefeito está certo, e não falou nada demais!

      Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

17  −    =  12

PODCAST: escuta essa!!