Presidente da Câmara de Divinópolis entende que, ao se descobrir quem levou as atas (CPI DA EDUCAÇÃO) para a Prefeitura aderir, será descoberta uma quadrilha – vídeo

Publicado por: Redação

O vereador e presidente da Câmara de Divinópolis, Eduardo Print Junior (PSDB), em entrevista ao Divinews, após fazer um balanço de suas realizações, tanto como vereador, quanto magistrado do Legislativo e também uma análise da administração do prefeito Gleidson Azevedo, perpassando pelo projeto de sua autoria “Adote Um Bem Público”, que possibilitou que a Prefeitura obtivesse premiações, em consequência das mais de 160 ações de empresas, e ainda criticar o estilo personalista de Gleidson que se credita das ações institucionais da Prefeitura que são inerentes ao cargo, entrou no “calcanhar de Aquiles” da administração, que é a CPI de Educação.

Print foi contundente ao dizer que houve negligência por parte da Prefeitura, que houve empurra, empurra, de um membro para o outro, mas que é fato que a compra dos plays balls não teve finalidade alguma, pois eles estão abandonados, até por que não as bolas que fazem parte do brinquedo não foram entregues.

Continua depois da publicidade

O presidente da Câmara, chegou a incentivar que se alguém souber de alguma coisa e que por qualquer motivo está com receio de contar o que sabe, que procure a Casa Legislativa, que terá todo apoio.

Manifesta também que a ata de registro de preços que a Secretaria de Educação aderiu, não chegou voando na Prefeitura, “alguém levou essa ata, ela não pousou lá do nada. E possivelmente ao ser desvendado esse mistério, será descoberta uma quadrilha de atuação nacional”.

Print Junior tem a expectativa que já na próxima semana, o relatório final da CPI da Educação tenho condições de ir ao plenário para apreciação dos vereadores. E logo a seguir ele será encaminhado para a Policia Civil, Ministério Público e Tribunal de Contas do Estado (TCE-MG).

Outro assunto abordado na entrevista foi o comportamento de alguns vereadores, que são videomaker, estão mais para digital influencer do que parlamentares, são os caçadores de cliques de redes sociais. Print afirmou que não pode ser babá deles, que cada um cuide do seu mandato, que em um próximo pleito, os mesmos eleitores que neles confiaram, lhes tiraram dos seus cargos.

 

 

Entre no grupo do Whatsapp do Divinews e fique por dentro de tudo o que acontece em Divinópolis e região

comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estamos felizes por você ter escolhido deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de privacidade.

Continua depois da publicidade