Câmara de Divinópolis aprova projeto que prevê 30% de desconto na taxa de lixo; valor impacta no IPTU


Foi aprovado por unanimidade, na tarde desta quinta-feira (10), em reunião ordinária na Câmara Municipal de Divinópolis, o projeto de lei que prevê o desconto de 30% sobre o valor da taxa de lixo incluída no IPTU dos divinopolitanos. O projeto, apresentado pelo presidente Eduardo Print Júnior (PSDB) e assinado outros quinze vereadores da Casa, teve ampla discussão durante a reunião e acabou tendo voto favorável de todos os 14 edis presentes (além do Presidente, que somente vota em caso de empate). Aprovada a lei, a aplicação do desconto depende exclusivamente da sanção do Prefeito Gleidson Azevedo (PSC).

Debatido durante a semana com a Prefeitura e setores jurídicos do executivo e legislativo, o projeto tem como objetivo amenizar o impacto do aumento do IPTU após a realização do georreferenciamento na cidade. “É importante destacar que o georreferenciamento era de extrema necessidade. Estava defasado, não foi feito nos mandatos anteriores por covardia dos antigos gestores e, agora que precisou ser feito, veio com um impacto maior do que o que deveria ser, uma vez que, se fosse feito de 10 em 10 anos pelo menos, teria um aumento menos significativo. A saída que tivemos foi oferecer os 30%, que é o que a legislação oferecia, pois o valor do desconto não poderia sobrepor o superávit projetado na lei orçamentária vigente”, explicou Eduardo Print.

O Presidente da Câmara lembrou que, se fosse possível, o projeto ofereceria um desconto maior. “É óbvio que queríamos apresentar um projeto que cortasse ao menos pela metade o valor da taxa ou que congelasse o valor. Mas a lei não permite. Isso foi amplamente discutido com os corpos jurídicos das duas instituições”.

Ainda segundo Print, transformaram o georreferenciamento em palanque político misturando com a cobrança do IPTU. “O geo foi para atualizar as situações cadastrais dos imóveis de Divinópolis. Várias casas estavam cadastradas como lote vago, sem a necessidade de pagar o imposto. Enquanto muitas pessoas honestas cadastraram suas reformas e construções, outros não. Isso é pensar no futuro. Facilita a fiscalização diária da Prefeitura, que estava sendo feita com um geoprocessamento de 1998. Cabe a nós vereadores criarmos políticas públicas para as pessoas menos favorecidas e fazer os ajustes necessários”, concluiu o vereador.

13 comentários em “Câmara de Divinópolis aprova projeto que prevê 30% de desconto na taxa de lixo; valor impacta no IPTU

  • 11 de fevereiro de 2022 em 17:24
    Permalink

    No brasil divinopolis e a unica cidade que quer cobrar IPTU d varanda e ate d sub solo resumindo de buraco.. estes vereadores tbm so olham para os gostos deles o povo que se foda- se..cambada de covardes..

    Resposta
  • 11 de fevereiro de 2022 em 11:17
    Permalink

    O que vocês acham de colocar uma foto da família Azevedo em casa buraco? Nossa as gráficas iriam ficar milionárias… Colocar um pau com a foto deles.

    Resposta
  • 11 de fevereiro de 2022 em 07:27
    Permalink

    DIVINOPOLIS ESTA IGUAL LUA, SÓ BURACOS. SERVIÇO DE TAPA BURACOS UMA MERDA. É O BARATO QUE SAI CARO. É SÓ CHOVER QUE O SERVIÇO ESFARELA. TEM QUE PRIVATIZAR ATÉ A CIDADE. DIVINOPOLIS DEPOIS DE FABIO NOTINI E ANTONIO MARTINS NUNCA MAIS TEVE PREFEITO.

    Resposta
  • 11 de fevereiro de 2022 em 06:54
    Permalink

    Aqui, ainda é muito cedo julgar quaisquer membro da prefeitura. Após 4 anos, iremos saber se realmente valeu a pena o nosso voto ou não. Lembrando, que tem que olhar a melhoria como um todo e não só seu umbigo. Vale para esses servidores que só reclama por si e não para toda população.

    Resposta
    • 11 de fevereiro de 2022 em 11:11
      Permalink

      IPTU e os buracos é só para os servidores?

      Resposta
  • 11 de fevereiro de 2022 em 01:48
    Permalink

    E tem muita gente que ainda não sabe que a aerografia mede o telhado das casas, mas não tem como eles medirem os beirais do telhado fotografado, e assim estamos pagando os beirais como área construída. A minha casa tem 52 metros de beirais, passaram ela de 140 metros para 192. Isso é só em Divinópolis. Beiral nunca foi área construída. isso chama assalto. Eu só pago na justiça. e peço a Deus que eles me coloquem na dívida ativa, porquê aí ainda levo uma indenização por danos morais.quero fuder esses verdureiros desonestos.

    Resposta
  • 10 de fevereiro de 2022 em 21:13
    Permalink

    Nossos governantes queria era aumentar a planta . Mas como não passou na camara resolveu aumentar a receita na coleta de lixo. Cadê as pessoas indignadas. Ir na prefeitura reclamar nada vai resolver acorda população. Trinta por cento de desconto é esmola faça valer seus direitos. Aqui na Divinéia tá difícil Copasa Cemig agora prefeitura cada um quer resolver suas dúvidas nas costa da população. Misericórdia

    Resposta
    • 11 de fevereiro de 2022 em 11:39
      Permalink

      Resumindo… Administrar uma prefeitura não é fácil… Divinópolis é muito grande e tem muitos problemas como qualquer prefeitura tem… Sabemos que é complicado mesmo… Mas o problema deste prefeito é não ter humildade para assumir seus atos e erros… Tudo tem uma desculpa… Ou é o mandato anterior ou é o governo… Seja humilde é não promete o que vocês sabem que não vão dar conta de fazer… Enquanto estava de fora era fácil criticar… Agora que está dentro tem desculpa para tudo… Se fossem vocês do lado de fora estava falando desses buracos, valorizando os funcionários públicos, Copasa, Cemig … Então seja humilde e para de enganar a população para ganhar votos…

      Resposta
  • 10 de fevereiro de 2022 em 20:46
    Permalink

    Que lindo Janete e Gledson… Ligando nos setores para os gestores para pegar os nomes de quem foi na paralização… Você sabe o que é lei. Creio que não, pois não pagou os servidores. É direito contitucional fazer está paralização… Nunca vi uma gestão perseguir funcionários públicos… E olha que disseram que iriam valorizar nós funcionários… Bando de mentirosos e enganadores… Nós aguarde…

    Resposta
  • 10 de fevereiro de 2022 em 19:34
    Permalink

    Gostaria que fosse feito um levantamento de quanto a prefeitura arrecada com a coleta de lixo e quanto paga a empresa. Fica a dica para o ministério público.

    Resposta
    • 10 de fevereiro de 2022 em 20:35
      Permalink

      Se o IPTU fosse só atualizar os lotes que tem construções estava bom. Agora cobrar 100% de uma casa que fez um telhadinho para colocar um carrinho. Aí é brincadeira né. Vocês todos são corruptos. Só pensam nos bolsos de vocês. Porque não barraram antes. Agora a população bateu o pé. Vocês ficam com medo de perder votos né. Prefeitinho mecretefe. Aliás a família toda. Ninguém quer mudar nada para a população não. Vou mandar as contas dos amortecedores para vcs. A Janete nós aguarde, três anos passam rápido. Aguardem… Aliás vai começar este ano com o digníssimo Deputado. Menos um. Falar e filmar e fácil… Quero ver fazer algo. Copasa, Cemig ninguém tira nada não. É só blá blá blá. E tem retardado que defende ainda. Não sou funcionário público. Mas o Cleitinho prometeu o aumento em janeiro, pois se não desse iria ser inimigo número 1 do seu irmão. Para de falar o que não cumpre. Seu aproveitador, para de enganar as pessoas, vai trabalhar honestamente. Mamar na teta e gravar videozinho é bom demais. Pena que existe gente que acredita ainda. Deus vai prover tudo. Volta a carregar caixa de verdura pelo menos você não vai ter tempo de falar bobagem…

      Resposta
      • 11 de fevereiro de 2022 em 11:51
        Permalink

        Corretíssimo! Cambada de aproveitadores da ignorância de seus eleitores… argh!!!

        Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

1  +  2  =