Comitê de Enfrentamento a covid-19 em Divinópolis delibera continuidade da cidade na Onda Verde


O Comitê Municipal de Enfrentamento e Prevenção à Covid-19 em Divinópolis se reuniu nesta sexta-feira (10) e acompanhou a deliberação dada ontem pela Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), a qual classificou a Macrorregião Oeste e as demais 13 do Estado na Onda Verde. A pontuação da microrregião Divinópolis também reavaliou os dados da pandemia, além de discutidas as ações de prevenção ao coronavírus, monitoramento dos casos notificados e confirmados da doença e a execução do Plano Municipal de Enfrentamento e Contingência. De acordo com os indicadores que medem a situação da pandemia em Minas, a pontuação na Macrorregião Oeste caiu de nove para três pontos e, na microrregião que Divinópolis está inserida, os números no Minas Consciente, baixaram de 12 para nove pontos, o que mantém a cidade na Onda Verde.

Em razão da melhora dos números na cidade e, pela frota de ônibus estar praticamente toda em operação, o número de ocupação no transporte coletivo passará de 20 para 25 passageiros em pé, a partir de segunda-feira (13/09). Essa ação visa reduzir as aglomerações nos pontos de ônibus, que muitas vezes estão lotados de pessoas que não conseguiram embarcar no transporte. A desinfecção e higienização dos veículos utilizados para o serviço está acontecendo entre cada viagem, em dois pontos da cidade, na rua Pernambuco e na rua Getúlio Vargas.

Com relação ao distanciamento social nas escolas, também ficou decidido que todas as escolas devem realizar o mapeamento das cadeiras, com distanciamento de um metro, e enviar para a Vigilância Sanitária, que aprovará o novo distanciamento.

A Secretaria de Saúde de Divinópolis reforça que os números estão diminuindo em razão das medidas preventivas implementadas pelo poder público, com apoio de vários segmentos da sociedade e da própria população, que estão gerando resultados positivos. Mesmo com os números regredindo, toda a população deve continuar respeitando todas estas medidas preventivas, mantendo sempre as mãos higienizadas e adotar o uso de máscaras, o distanciamento, a imunização completa, entre outros, para que os indicativos da Covid-19 permaneçam em queda e, aos poucos, a vida e a economia do município possam retornar à plena normalidade.

De acordo com a diretoria de Vigilância em Saúde, Erika Camargos, todas as medidas de segurança devem ser intensificadas. “Devemos tomar muito cuidado, por mais que os números estão abaixando isso não quer dizer que podemos deixar de ter os cuidados, é necessário mantermos todas as medidas preventivas, principalmente em razão das variantes do Covid-19, que possuem índice de transmissibilidade muito alto”, ressaltou.

Sobre a aplicação da dose de reforço da vacina de Covid-19 de idosos com mais de 70 anos que completaram o esquema vacinal há mais de seis meses, a vice-prefeita Janete Aparecida apresentou algumas informações. “A revacinação irá acontecer em 13 postos de saúde, os idosos que devem tomar a vacina de reforço deverão fazer o cadastro normal pelo site da prefeitura, escolhendo pelo site em qual unidade de saúde gostaria de se vacinar. Lembrando que, o cadastro e a vacinação irão acontecer quando o município receber as vacinas destinadas para esse fim”, ressaltou.

Denúncia na Vigilância Sanitária

Caso tenha conhecimento de alguma irregularidade, o cidadão pode denunciar anonimamente através do Whatsapp da Vigilância Sanitária (37) 9 9111-0030 ou por meio do App Divinópolis, que pode ser baixado no celular pelo App Store ou Google Play Store. No App Divinópolis poderá ser aberto um chamado, selecionando a aba “Coronavírus”.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

71  +    =  72

PODCAST: escuta essa!!