Prefeito de Divinópolis tenta retirar morador de rua da via pública, e não consegue (vídeo)


O prefeito de Divinópolis, Gleidson Azevedo, nesta quinta-feira (22), em uma ação da Secretaria de Assistência Social, foi pessoalmente na Rua Rio de Janeiro, quase esquina com a Sete de Setembro, na tentativa de retirar os moradores de rua que estão há meses sob a marquise do prédio onde ficava localizada a Biblioteca Ataliba Lago – Gleidson, acompanhado da secretária da pasta Juliana Coelho tentaram dissuadir o morador a ir para um abrigo. Porém, ele diz taxativamente que não vai, e se retirar as coisas dele, como ameaçou o prefeito, ele volta novamente e reconstrói.

 

crédito do vídeo: MPA

 

 

10 comentários em “Prefeito de Divinópolis tenta retirar morador de rua da via pública, e não consegue (vídeo)

  • 24 de julho de 2021 em 10:09
    Permalink

    Este problema tem que ser enfretado de frente e esta atitude do Prefeito ( em quem não votei) não me apareceu golpe midiático.
    Aquela esquina ali, num dos pontos mais centrais e residenciais da cidade está tomando proporções exageradas e colocando em xeque todos os moradores da região.
    O morador de rua tem que ser tratado com respeito mas ele também precisa fazer sua parte.
    A Prefeitura, o Ministério Público e a Polícia precisam agir, e rápido, senão o problema só vai aumentar. O município oferece abrigo e dignidade mas o morador de rua
    não quer sair das ruas por causa do dinheiro arrecadado e qie, em alguns casos, sustenta os vícios.
    Detalhe: a maior parte dos moradores de rua não são da cidade. Como chegam até aqui? Este é um dos pontos a serem estudados.

    Resposta
  • 23 de julho de 2021 em 15:42
    Permalink

    olha, esta é uma situação delicada, porque não da para aquela turma fazer ali naquela esquina um lote de reciclados, não tem cabimento. As medidas rígidas tem que ser tomadas mesmo, não vi qualquer abuso do Prefeito, esta turminha ai que fica achando que GANHAR CONFIANÇA, ESCUTAR E ETC. ETC., vão lá fazer isto, ou então, levem eles para sua casa.

    Resposta
  • 23 de julho de 2021 em 10:58
    Permalink

    Bebiano e seu grupo de apoio tem mais trato com as pessoas do que a secretaria e o prefeito que não sabem conversar,isso aí é resultado dos 30% dos Divinopolitanos.

    Resposta
  • 23 de julho de 2021 em 10:26
    Permalink

    Parabéns ao prefeito pela tentativa. Se o sujeito não quer ir para o abrigo, é direito dele.

    Resposta
  • 23 de julho de 2021 em 08:38
    Permalink

    Como assim o prefeito MENTE dizendo que a pessoa em situação de rua pode levar os cachorros pra o centro e acolhimento?

    Acha mesmo que vai conseguir convencer alguém mentindo?

    Ah, ele fez isso com os servidores, prometendo que ia cumprir a lei e fazer a recomposição dos salários.

    Resposta
  • 23 de julho de 2021 em 06:30
    Permalink

    Mais uma ação de marketing frustrada do nosso excelentíssimo sr prefeito!
    A cada dia ele comprova que nem conseguia gerir o varejão, como vai gerir uma cidade?!

    Resposta
  • 22 de julho de 2021 em 22:30
    Permalink

    Juliana sem preparo para cargo

    Resposta
  • 22 de julho de 2021 em 16:32
    Permalink

    Infelizmente esse tipo de pessoa não deve conviver nas ruas, visivelmente alterado, provavelmente drogado ou bêbado. Não quer ajuda, não quer viver em um lugar melhor, quer é ficar cagando, mijando e abordando pessoas na rua até de forma agressiva na maioria das vezes…infelizmente tem que ser tomado medidas mais rígidas com relação a isso.

    Resposta
  • 22 de julho de 2021 em 16:17
    Permalink

    Quanto despreparo meu Deus não,acredito que a assistência social seja essa topeira despreparada o prefeito nem o diga,gente morador em casos de rua vc chega escuta história dele ganha a confiança e propõe melhoria de vida,não e assim não seus jumentos,que assistente social de mentira,ajuda ai!!!

    Resposta
    • 26 de julho de 2021 em 19:30
      Permalink

      Concordo plenamente com você muitos se referem a eles como apenas “moradores de rua”,eles não são só moradores de rua,são seres humanos que não tiveram tanta sorte em algum momento de suas vidas. Triste ver comentários tão desumanos como vários que li aqui.

      Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PODCAST: escuta essa!!