“Ela sapateava, dançava, pulava, gritava, falava, e hoje manda projeto de mudança da Cota Básica do IPTU ser votado contra o pobre”, disse Hilton de Aguiar referindo-se a vice-prefeita Janete Aparecida

Publicado por: Redação

O vereador Hilton de Aguiar (PDB) na reunião da última sessão ordinária da Câmara, na quinta-feira (01),  falou sobre a mudança de posicionamento da vice-prefeita Janete Aparecida, da época em que era vereadora, para agora quanto vice-prefeita de Divinópolis. O vereador referiu-se a posição de entendimento e postura da edil referente as mudanças das regras da Cota Básica do IPTU, em que ela, de acordo com Hilton de Aguiar, não aceitava que a administração do ex-prefeito Galileu Machado propusesse  qualquer mudança que fosse, principalmente quanto ao Imposto Predial Territorial e Urbano (IPTU), em que, tanto ela quando o vereador Edsom Sousa, agora líder do Governo do prefeito Gleidson Azevedo, entre outros não deixaram de jeito nenhum que o reajuste da planta genérica de valores do IPTU fosse concretizado implantando a justiça social, em que condomínios, mansões e prédios pagam menos que moradias populares, em distantes bairros da periferia, como exemplos, o Jardim Copacabana e Terra Azul, citando apenas dois de centenas.

Naquela ocasião, o vereador Edsom chegou a propôs na Câmara, foi aprovado e realizada diversas audiências públicas em vários bairros para discutir sobre o tema. Enfim, alguns dos vereadores que aí estão criaram imensas barreiras para aprovar as disparidades que são praticadas no pagamento de tal imposto.

Continua depois da publicidade

Hilton faz um alerta aos vereadores que seguem a vontade do Executivo, afirmando que muitos dos que assim procederam não retornaram para suas cadeiras na Câmara.

O vereador diante do comportamento da ex-vereadora e agora vice-prefeita, Janete Aparecida, contou da resistência dela no passado em aprovar esse tipo de projeto, “e agora ela vai e manda esse projeto para a Câmara, tem que criar é vergonha na cara”.

Afirmou o vereador que não adianta “os puxas sacos” ir para rede social e tentar dobrá-lo sobre sua posição que ele não mudará o seu voto que é contra. Por que vai tirar direito dos pobres.

“A senhora, junto com a Juliana, secretária de Assistência social tem que respeitar mais o povo”

A seguir deu como exemplo o bairro Terra Azul, que é um local sem infraestrutura nenhuma, e tem a média do IPTU de R$ 400 reais, e eles estão querendo juntar os salários de todos os membros de uma família residente em tal bairro para compor definir se aquela moradia se adequa a cota básica. O vereador discorda por que independentemente da renda familiar, o local não tem nada que possa justificar um pagamento maior do que em determinados locais da cidade que possuem condições melhores de moradia.

Matéria relacionada publica em 12 de dezembro de 2017 – Com vídeo da vice-prefeita

Vereadores em ataque de sinceridade confessam que reajuste da planta genérica do IPTU de Divinópolis não afeta os pobres e sim a classe média alta e os ricos.

 

 

comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estamos felizes por você ter escolhido deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de privacidade.

  1. César chita disse:

    Pra ganhar a eleição vender até a alma pro diabo anda a então vereadora proteger a todos o prefeito falava que acabar com a copasa que é mandar copasa embora que ia tirar transcende balela nada aconteceu

  2. Jesse James disse:

    ” Divinópolis agora tem prefeito “🤔😬😁😁

  3. Anônimo disse:

    Tem gente que mora no Sidil, tem gente que mora no Centro, tem gente que mora em condomínio com porteiro, piscina, área de lazer e tem cota básica.
    Essa caixa de Pandora precisa ser aberta, cadê o Ministério Público?
    Tem dinheiro público indo para o ralo.

  4. Anônimo disse:

    Antes atiravam pedras sem parar agora vidraça …..

  5. Anônimo disse:

    Ue mas quem mora no terra azul tem que ter taxa única…..o que acontece é que tem gente que mora no sidil e tem.
    O vereador tá enganado.

Continua depois da publicidade