Divinópolis: Colégio Roberto Carneiro desmente informações inverídicas do SINPRO sobre casos de covid na sua unidade de ensino


Em Nota de Esclarecimento enviada para o Divinews na manhã desta sexta-feira (28), logo após a publicação de uma matéria em que o Sindicato dos Professores da Rede Particular (SINPRO-Minas) faz graves acusações sanitárias contra o estabelecimento de ensino, a Assessoria de Comunicação do Roberto Carneiro explicou serem totalmente falsas as informações do sindicato, que sequer fez qualquer tipo de contato apurando a verdade.

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Divinópolis, 28 de maio de 2021.

Diante de notícias falsas divulgadas em redes sociais, o Colégio Roberto Carneiro vem a público informar que:

1) Todos os itens descritos nos protocolos sanitários publicados pelos órgãos competentes vêm sendo cumpridos à risca nas três unidades da escola, e as constantes visitas da Vigilância Sanitária não constataram irregularidade alguma na aplicação dos mesmos.

2) Desde o retorno às aulas presenciais tem sido observado o distanciamento previsto nos documentos oficiais em toda a escola, o tempo todo.

3) Também seguindo os protocolos sanitários, diariamente, antes do início das aulas, funcionários, professores e alunos preenchem o Questionário de Monitoramento de Saúde. Em caso de apresentação de sintomas de gripe ou aqueles relacionados à Covid-19, são orientados a permanecer em isolamento, sem se deslocar para a escola, e procurar uma unidade de saúde.

4) A escola teve um caso de confirmação de diagnóstico de aluno com Covid-19 no dia 25/05, e, assim que tomou conhecimento do caso, afastou não só o aluno mas também toda a turma (alunos, professora e ajudante) das atividades presenciais por 14 dias, confirmando o descrito no Item 5.2 do Protocolo interno da instituição. O mesmo procedimento ocorreu quando uma estagiária testou positivo.

5) As aulas presenciais estão acontecendo normalmente, seguindo os protocolos, distanciamento e rodízio de alunos, com toda a segurança para alunos, professores e funcionários.

6) Lamentamos a divulgação de notícias falsas em um momento tão delicado para toda a nossa cidade e comunidade.

7) Todos os relatórios de inspeção sanitária apresentados pelas visitas da Vigilância Sanitária (órgão responsável por autorizar ou não a continuidade das aulas presenciais em nossa cidade) estão à disposição de nossa comunidade escolar.

8) O Colégio Roberto Carneiro irá tomar as medidas judiciais cabíveis.

Seguimos a nossa missão com tranquilidade sabendo da confiança que a nossa comunidade escolar tem com a escola e com seus 35 anos de existência.

Continuamos à disposição através dos contatos regulares do Colégio, por videochamadas, por telefone e por e-mail.

Atenciosamente,

Colégio Roberto Carneiro

 

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  +  77  =  85