Cleitinho Azevedo (PSC) é tachado de populista, por denúncia infundada contra Copasa em Montes Claro; É confundido com o irmão gêmeo, prefeito de Divinópolis, em almoço com Zema (vídeo)


Após a exibição em rede social, de um vídeo feito pelo deputado estadual Cleitinho Azevedo (PSC) denunciando peças armazenadas no almoxarifado regional da Copasa localizado na cidade de Montes Claro. Ele foi rebatido com veemência pelo presidente licenciado do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Purificação e Distribuição de Água e em Serviços de Esgotos do Estado de Minas Gerais (SINDAGUA- MG), Eduardo Pereira, que também é pré-candidato a deputado estadual. No vídeo, explicou que foi chamado ao local por um trabalhador da Copasa relatando a ele, que Cleitinho estava no local fazendo uma visita populista para gravar um vídeo com o objetivo de enganar a população e com isso tentar conseguir votos para se eleger senador por Minas.

O presidente licenciado do Sindagua-MG, exclusivamente ao Divinews lamentou a postura do deputado estadual Cleitinho, dizendo que ele é contumaz em realizar vídeo em qualquer lugar que seja, mesmo constrangendo os trabalhadores para realizar o seu intento populista, de estar eternamente em campanha para conquistar votos. Eduardo Pereira contradisse Cleitinho e esclareceu que é comum que em almoxarifados da Copasa sejam encontradas peças sobressalentes para atender os chamados de consertos.

Avaliou ainda que Cleitinho faz covardia com o povo mineiro, o desinformando, a partido do momento que cobra da Copasa, pois ele deveria cobrar era da Arsae (Agência Reguladora de Serviços de3 Abastecimento de Água e de Esgotamento Sanitário do Estado de Minas Gerais), e também que Cleitinho deveria ir é  na Cidade Administrativa e cobrar do amigo dele, o governador Romeu Zema, que é o verdadeiro responsável, até mesmo em estar fazendo da empresa um cabide de empregos.

Logo a seguir, no vídeo de Eduardo Pereira, é exibido parte de um outro vídeo feito pelo irmão gêmeo de Cleitinho, o prefeito de Divinópolis, Gleidson Azevedo, que junto ao Governador, em um almoço tentava convencer  Zema a ajudar levar a fábrica da Heineken para Divinópolis. Contudo, o presidente do Sindagua confundiu a imagem de Gleidson com a de Cleitinho, e questionou: “Você estava ao lado de Zema tentando levar a Heineken para Divinópolis”, fazendo subentender que Cleitinho seria próximo ao Governador e por isso não cobra dele a atuação da Copasa, prefere ir nos locais e constranger os funcionários.

 

9 comentários em “Cleitinho Azevedo (PSC) é tachado de populista, por denúncia infundada contra Copasa em Montes Claro; É confundido com o irmão gêmeo, prefeito de Divinópolis, em almoço com Zema (vídeo)

  • 3 de agosto de 2022 em 15:39
    Permalink

    Agora que abraçou o capeta bolsonaro espero que o povo saiba realmente quem é cleitinho Azevedo. Falastrão, encobrindo a roubalheira na secretaria de educação em Divinopolis.

    Resposta
  • 2 de agosto de 2022 em 15:23
    Permalink

    O Gritinho é muito chato. Agora que abraçou o bolsonarismo podemos ver quem ele é de fato. Apenas mais um político oportunista como os seus amigos Tolentino e Domingos Sávio. Mais do Mesmo.

    Resposta
  • 2 de agosto de 2022 em 11:57
    Permalink

    Como eu ja disse ao próprio Cleitinho, ele deveria exercer seu papel de deputado mineiro e defender a copasa pois ela e patrimônio mineiro, deveria sim brigar mas contra quem está depredando e destruindo a copasa e em relação aos preços de tarifas brigar com a Arsae. Nos mineiros precisamos de pessoas que façam seu trabalho correto na defesa verdadeira dos mineiros e nosso patrimônio não de gente que faz barulho e discurso errado. Bora Eduardo mostrar de fato pra todos o que devemos fazer por Minas.

    Resposta
  • 2 de agosto de 2022 em 10:59
    Permalink

    DEPUTADO VÁ EM DIVINÓPOLIS E PEDE PRO PREFEITO E A VICE EXPLICAREM AS COMPRAS DA SECRETARIA DA EDUCAÇÃO.
    PEDE PRO PREFEITO MOSTRAR AS OBRA QUE ESTÁ FAZENDO(NENHUMA). SÓ ASFALTO (COM DINHEIRO DEIXADO PELO PREFEITO ANTERIOR.)
    CADÊ QUE RASGARAM O CONTRATO DA COPASA CONFORME PROMESSA DE CAMPANHA?
    VAI LÁ E RASGA. VOCÊ NÃO É VALENTÃO????

    Resposta
  • 2 de agosto de 2022 em 08:00
    Permalink

    Se não tivesse material no galpão e tivesse um grande vazamento de água, será como seria o vídeo, …..pra mim um grande hipócrita.

    Resposta
  • 1 de agosto de 2022 em 22:38
    Permalink

    Graças a Deus, este não me representa. Simplesmente ele e seus irmãos encontraram uma forma fácil de não trabalhar e ganhar muito dinheiro, dinheiro este que é fruto de impostos. Lamentável que os políticos não querem o bem estar da população, mas utilizar da política para proveitos próprios e fazê-la uma “profissão”.

    Resposta
  • 1 de agosto de 2022 em 22:01
    Permalink

    Enquanto isso minha conta da Copasa cada vez mais cara! Se ele parar de gravar esses vídeos com certeza é melhor pro povo

    Resposta
  • 1 de agosto de 2022 em 19:18
    Permalink

    Parabéns Sr. Eduardo Pereira, por dizer a verdade e ensinar esse populista a trabalhar corretamente.

    Na verdade, à impressão que temos é que ele fica por aí fazendo politicagem barata, vides sem escrúpulos, e o pior, em horário de serviço e com nosso dinheiro.

    É para isso que serve um deputado?

    Ele deveria mostrar o que ele faz, ao invés de ficar fazendo baixarias, etc.

    Fica a pergunta, como político, o que ele já fez, alguém sabe dizer?

    Infelizmente, o povo divinopolitano, e também os adeptos das redes sociais precisam avaliar melhor suas escolhas.

    Divinópolis está “parada”, com essa turminha do “nós ou eles”.

    Eleições está aí, acorda meu povo!

    Deus abençoa todos!!

    Resposta
  • 1 de agosto de 2022 em 18:19
    Permalink

    Cleitinho quer fazer alguma coisa. Procura a ARSAE ou o governador Zema. Ir no almoxarifado e ver os estoques de materiais da COPASA não prova nada. Tem que ter estoque para dar manutenção nos vazamentos de água e serviços de esgoto sanitário. Ou os funcionários que compram os materiais do bolso.

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

31  +    =  37