Com a taxa de ocupação de leitos em queda, Divinópolis registra morte por covid-19 de bebê de quatro meses; e idosa de 65 anos


Nesta quinta-feira (08) a Prefeitura de Divinópolis informou o registro de dois óbitos no município. De um bebê de quatro meses, que nasceu, de acordo com a informação da secretaria de saúde, com prematuridade extrema, além de macrocefalia e displasia bronco pulmonar, faleceu nesta última quarta-feira (07), a outra morte foi de uma idosa de 65 anos, que foi a óbito na sexta-feira (02).  

Segundo uma matéria da BBC, o Brasil tem dez vezes mais mortes de bebê por covid, do que nos Estados Unidos

Neste mesmo dia, os dados referentes às internações hospitalares por covid-19 apontam que a taxa de ocupação de leitos de UTI Covid caiu para 67,96%, considerando rede pública e particular.

 A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Padre Roberto está com 14 leitos disponíveis dos 30 totais no CTI Adulto, com 53,33% de hospitalização. No setor de enfermaria, 19 dos 32 leitos estão ocupados, o que significa 59,38% de ocupação.

 Ainda na saúde pública, a área atendida pelo SUS no Complexo de Saúde São João de Deus está com um leito vago entre os 20 no CTI Adulto. Na enfermaria, 14 dos 30 leitos estão ocupados, conferindo 46,67% de ocupação.

Na saúde suplementar, o Hospital São Judas Tadeu opera com todos os seis leitos ocupados. O Hospital Santa Lúcia consta 90% de ocupação no CTI Adulto, com um leito disponível de um total de 10.

A área suplementar do Complexo São João de Deus conta com metade dos leitos ocupados no CTI Adulto, representando 8 dos 16 na unidade. O Hospital Santa Mônica atualmente opera com 80% de ocupação, com dois leitos disponíveis entre os 10 totais.

 

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

88  +    =  91

PODCAST: escuta essa!!