BARBÁRIE: Casal que colocou bombinha em cão e foi pauta de Luísa Mell é preso pela Polícia Militar em Onça de Pitangui (vídeo)


Na noite desta última quinta-feira (27), no povoado de Capoeira Grande, no município mineiro de Onça de Pitangui, a Polícia Militar prendeu um casal que além de praticar maus tratos contra um cão de sua propriedade, eles também gravaram suas ações e divulgaram em redes sociais, o que causou grande comoção social incluindo Luisa Mel, militante da causa animal.

Na ação da PM foram apreendidos o celular e roupas usados durante a gravação do vídeo, bem como uma espingarda de pressão, munições e bombas do mesmo tipo usadas nos maus tratos ao animal.

Após o vídeo ter circulado nas redes sociais, os militares foram até o povoado para apurarem as denúncias, encontrando o casal em sua residência, sendo identificados como uma mulher de 37 anos e um homem de 48. Eles admitiram os maus tratos ao cachorro mostrado no vídeo, alegando que a galinha que o cachorro teria atacado já estava morta quando a amarraram ao corpo do cão, juntos com bombinhas e atearam fogo nos artefatos que explodiram deixando o cão desesperado e sem rumo.

Segundo os autores o covarde ato foi feito como uma forma de correção e castigo ao cão, por que ele teria atacado e comido algumas galinhas que eles criam. Eles admitiram também que gravaram o vídeo com o celular pessoal e em seguida levaram o cachorro no seu veículo e o soltaram a cerca de 3 km do povoado, em uma estrada, próxima de uma fazenda. Relataram ainda que o animal é novo, com aproximadamente 06 meses de idade e que, por este motivo, possivelmente não tenha conseguido encontrar o caminho de volta pra casa até o momento que os policiais estiveram no local.

Durante buscas na residência do casal, foram encontradas as roupas usadas pelos autores durante os maus tratos, as mesmas que aparecem no vídeo, bem como o celular usado para gravar as imagens. Foram encontradas ainda uma espingarda de pressão, 22 munições calibre .28 e 5 bombas de tamanho médio, do tipo comprado em mercearias. O casal foi preso e conduzido à Delegacia de Polícia, em Pará de Minas.

Foram realizadas buscas nas estradas próximas ao povoado, mas cão, vítima dos maus tratos, não foi encontrado para socorro e encaminhamento aos órgãos competentes.

Diante do fato a  PM solicita que a população colabore com informações que possam ajudar na localização do animal, pelo telefone 190.

Barbárie com cão

3 comentários em “BARBÁRIE: Casal que colocou bombinha em cão e foi pauta de Luísa Mell é preso pela Polícia Militar em Onça de Pitangui (vídeo)

  • 28 de maio de 2021 em 14:28
    Permalink

    Dois desgraçados.É pegar e fazer a mesma coisa com eles.

    Resposta
  • 28 de maio de 2021 em 12:33
    Permalink

    Fico na dúvida se realmente foi “Deus” quem criou o homem. Se não teria sido “Satanás”, pois é muita maldade que o ser humano faz com a Terra.

    Resposta
  • 28 de maio de 2021 em 06:15
    Permalink

    Esse cachorro deve ter assustado bastante

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PODCAST: escuta essa!!