Com Divinópolis prestes a flexibilizar as atividades econômicas, hospitais continuam com superlotação de leitos Covid


Na tarde desta quinta-feira (01), após o prefeito Gleidson Azevedo (PSC) aventar a possibilidade de uma flexibilização comercial, a Secretaria de Saúde de Divinópolis (Semusa), informou sobre continuidade do estado crítico da ocupação dos leitos hospitalares para tratamento da Covid no município. Segundo os dados das autoridades sanitárias locais, na UPA Padre Roberto, que apenas atende SUS, o índice é de 134% de capacidade, ou seja, superlotação. Os hospitais que atendem na rede particular via plano de saúde também encontram cenário semelhante, conforme o Divinews noticiou mais cedo.

Na enfermaria adulto foram remanejados mais 11 leitos e a ocupação passou de 32 para 43 pacientes, o que representa 134% de ocupação. No CTI adulto, 28 dos 30 leitos estão ocupados – 93% de ocupação. A enfermaria infantil está com ocupação de 37,5% com três, dos oito leitos, ocupados.

Ainda de acordo com a Semusa, na área de atendimento pelo SUS do Complexo de Saúde São João de Deus a situação também é crítica. O CTI adulto está com ocupação de 90% com seus 18 de seus 20 leitos ocupados. Na enfermaria adulto a ocupação é de 66,67% com 24 dos seus 36 leitos, ocupados. O CTI infantil está com quatro, de seus 10 leitos ocupados (40%).

Rede particular

O Hospital Santa Lúcia está com 140% de ocupação no CTI adulto. Foram remanejados mais quatro leitos e o total de pacientes passou de 10 para 14. A enfermaria adulto está com 20 dos seus 29 leitos ocupados (69%).

Já no Hospital São Judas Tadeu, a enfermaria adulto está com 132% de ocupação, com uma reorganização para mais seis leitos, que agora somam 25 leitos ocupados. O CTI Adulto remanejou mais dois leitos e agora está com 14 leitos ocupados (117% de ocupação).

O Hospital Santa Mônica informou que no CTI Adulto, 19 de seus 20 leitos estão ocupados, número que representa 95% de ocupação. A enfermaria adulto está com 21 de seus 24 leitos ocupados (87,5%).

Por fim, no Completo de Saúde São João de Deus, o CTI Adulto está com ocupação de 96% com 23 de seus 24 leitos ocupados. Na enfermaria adulto a ocupação está em 68%, com 19 de seus 28 leitos ocupados.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PODCAST: escuta essa!!