Em parceria com a UFSJ, Prefeitura de Divinópolis lança plataforma de atendimento à Covid-19 online


Nesta quarta-feira (24) em uma coletiva online, a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) de Divinópolis lançou mais uma ferramenta de enfrentamento à Covid-19, em que as pessoas com sintomas gripais podem acessar o serviço através do telefone (37) 3229-6810 ou do aplicativo “AppDivinópolis”, onde será feito o contato com profissionais da saúde que realizam a consulta e principalmente, o acompanhamento durante o período de isolamento.

Estavam presentes o secretário de Saúde, Amarildo Sousa, a Diretora de Atenção a Saúde, Inês Alcione, o médico infectologista e coordenador do programa pela UFSJ, Gustavo Rocha e o Diretor de Infraestrutura e Tecnologia da Informação, Bruno Torres.

A plataforma foi batizada de “TeleCovid-19” e está dentro da opção de serviços (coronavírus/covid-19) do aplicativo da prefeitura. Desenvolvida em parceria com a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e o Hospital das Clínicas, a plataforma será gerenciada pelo corpo de tele monitoramento da Universidade Federal de São João Del Rei (UFSJ/Divinópolis).

“É importante que o cidadão forneça as informações reais e que aceite os termos de uso, em que declara todas as informações necessárias e que com isso, podemos fazer um acompanhamento real de cada caso”, pede o diretor de Infraestrutura, Bruno Torres.

A parceria da UFSJ com a Semusa já existe desde março, através de um projeto de extensão chamado “Pró vida”, em que estudantes de medicina atuam no suporte das Unidades de Saúde e realizam o monitoramento dos casos suspeitos de Covid-19. O atendimento via telefone (AutoCorona) já estava sendo realizado por profissionais da universidade (médicos e enfermeiros) desde o dia 18 de maio, com 250 pacientes sendo atendidos pelo grupo, no último mês.

A plataforma fará perguntas ao paciente sobre seus sintomas, caso seja identificado sintomas respiratórios compatíveis com a Covid, a pessoa será direcionada para a tele consulta. Há escala de plantonistas, enfermeiros e médicos, de segunda a sexta-feira, de 7h às 19h. Ao todo, são 11 médicos trabalhando no teleatendimento, 15 enfermeiros e 35 alunos do curso de medicina.

“Então como funciona isso, o paciente com sintomas mais leveis vai passar por uma consulta de enfermagem, depois para uma consulta médica e se ele não tiver nenhum sinal grave ou de descompensação respiratória, ele é orientado a permanecer em casa e vai ser acompanhado pela nossa equipe ao longo do período de isolamento domiciliar que é de 14 dias. Ele vai receber ligações a cada 24/48 horas para ver se houve evolução dos sintomas e se está cumprindo o isolamento, que é fundamental. Além disso, perguntamos se algum familiar também está desenvolvendo o sintoma ou não”, explica o infectologista, Gustavo Rocha.

Nesse sistema, além das perguntas clínicas e avaliações à distância, é possível fazer por vídeo chamada a interação entre médico e paciente, além da disponibilidade de enviar ao doente o atestado médico e receitas para medicamentos, assim como, o pedido do teste rápido de Covid-19, que está sendo feito em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS).

“O paciente tem todo o suporte clínico de enfermagem/médico e o acompanhamento, se eventualmente, dependendo da avaliação clínica, houver uma piora do quadro, ele é encaminhado à uma UBS ou ao Pronto Atendimento (UPA). Sempre com nosso monitoramento, sendo assim o fluxo de funcionamento”, afirma o especialista da UFSJ.

O secretário de Saúde, Amarildo Sousa, reforça que o isolamento social ainda é a maior medida de combate ao vírus e novamente, pede que a população do município, que possa ficar em casa, faça isso.

A equipe saliente que o aplicativo funciona 24 horas por dia e caso a pessoa entre em contato com sintomas da doença após o horário dos profissionais (de 7h às 19h), ela entra na fila de atendimento, que será realizado no próximo dia útil. Contudo, caso o contato seja feito dentro do expediente de atendimento, os profissionais fazem a consulta dentro de alguns minutos.

Confira como funciona o contato na plataforma:

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PODCAST: escuta essa!!