“Testes rápidos de Covid-19 antes do 10º dia do início dos sintomas, podem dar resultados negativos falsos”, diz médico infectologista de Divinópolis


Diante de uma matéria publicada pelo Divinews nesta última terça-feira (16) e que gerou polêmica, o editor do site resolveu consultar um renomado médico infectologista na cidade, que por motivos óbvios não quer ver sua identidade revelada em assuntos conflitantes. Segundo ele, os exames que detectam anticorpos produzidos pelo organismo de pacientes com suspeitas de covid-19 devem ser realizados preferencialmente somente a partir do 10º dia após o início dos sintomas de coronavírus – Somente o exame de sorologia da covid19 que de um resultado negativo não excluiu a possibilidade da presença da doença, é necessário que o médico solicite exames complementares. Isso por que o exame sorológico detecta os níveis de anticorpos Igm e IgG ou ainda IgA e IgG no sangue, esse resultado do teste diz se a pessoa já teve contato com o vírus SARS-Cov-2 e se o sistema imunológico produziu os anticorpos contra a doença. Porém, como o organismo só começa a produzir anticorpos depois que a infecção está instalada, só a partir do 10º dia é que o exame é recomendado e seu resultado tem mais confiabilidade.

Ainda de acordo com o infectologista, pelo conhecimento que se tem sobre a Covid-19 e pelas limitações relacionadas ao desenvolvimento do teste, não é possível utilizar esta informação isoladamente como diagnóstico, sendo recomendada a confirmação por ensaio molecular, onde é possível identificar a presença ou não do vírus na amostra testada.

Não se sabe ainda por quanto tempo os anticorpos IgM e IgG para Covid-19 permanecem no corpo. Portanto, mesmo para os anticorpos do tipo IgG que são produzidos mais tardiamente, a interpretação isolada do resultado não assegura que não haja mais infecção.

Portanto, o fato de um exame de teste rápido dar negativo, não é fator conclusivo para descartar de imediato o contágio do paciente, é preciso fazer outros testes e outros tipos de exames.

EM CONSEQUÊNCIA DO PERÍODO ELEITORAL OS COMENTÁRIOS ESTÃO SUSPENSOS

PODCAST: escuta essa!!