CASO DA AGRESSÃO EM ACADÊMIA: Quem fala a verdade? A família, ou a Polícia Militar? A polícia!! Baseada em B.O.


Após a divulgação sobre a agressão sofrida por Tarcisio Nardy, em uma academia de musculação sofreu, e que vários veículos de comunicação divulgaram o fato, já que o mesmo estava sendo veiculado em redes sociais, com a imagem do próprio empresário com a cabeça machucada e até mesmo um vídeo dele no momento em que é colocado em uma ambulância, imagens comprovadamente verdadeiras, mas que o Divinews não divulgou.  A família da vítima se manifestou afirmando que todas as informações sobre o caso que foram publicadas nas redes sociais e em jornais locais eram errôneas e inverídicas – Contudo, logo após a publicação no Divinews, o site solicitou informações oficiais à Comunicação Organizacional da Policia Militar, que enviou a seguinte Nota para toda Imprensa:

Nota à imprensa

Em relação a ocorrência de lesão corporal envolvendo um cidadão, proprietário de uma Academia de musculação da cidade de Divinópolis, na madrugada do dia 18/01/2020, a Polícia Militar esclarece que foi acionada inicialmente para o atendimento de uma ocorrência de furto na Rua Rio Grande do Sul, nr 544, quase esquina com Rua Goiás, onde a vítima teve sua carteira de bolso subtraída por um indivíduo não identificado.

Posteriormente a este fato a Polícia Militar foi novamente acionada em local e horário distinto para o registro de uma lesão corporal, que segundo a vítima da lesão, o autor do furto teria retornado ao local acompanhado por outros indivíduos, sendo que um destes indivíduos, não identificado, o agrediu com uma garrafa de vidro na cabeça. O fato teria ocorrido no mesmo local do furto.

Ressalta-se que Inobstante as diligências desenvolvidas no dia do ocorrido a Polícia Militar já efetuou o registro das ocorrências destinadas à Polícia Judiciária, para medidas decorrentes.

A Polícia Militar repudia tal ato de violência e lamenta o ocorrido, renovando o seu compromisso no cumprimento da missão de promover a Paz Social.

ARCO – 7a RPM


Porém a família logo após a publicação, além de solicitar que a matéria fosse retirada, ainda ameaçou processar se sua vontade não fosse realizada, e também emitiu a seguinte “Nota de Esclarecimento”, também subliminarmente ameaçadora.

“Nota de esclarecimento

A academia estação do corpo vem por meio desta informar que todas as informações sobre a fatalidade ocorrida em frente a Academia Estação do corpo, divulgadas através de redes sociais bem como de jornais locais são errôneas e inverídicas!

Informamos também que o ocorrido está sendo devidamente investigado pela Polícia, e no momento oportuno será explicado!

Ainda não foram identificados nenhum suspeito, desta forma desconhecemos quaisquer fotos que tenham sido publicadas com essa finalidade!

Ademais! A família da vítima pede encarecidamente para que fotos pessoais e relatos sem fundamento do fato não sejam publicadas! Para que medidas judiciais não precisem ser tomadas!

Esclarecemos também que o ocorrido não tem ligação com as atividades da Academia! Nem mesmo ocorreu dentro do recinto.

Alunos da nossa academia poderão obter mais esclarecimentos na direção.

O Divinews é solidário a dor da família e aos fatos em si. Contudo não comunga com as tentativas de censura. Isso, não!!! Não cremos em nenhum momento que a Policia Militar relatasse um fato que não fosse verdadeiro. Os fatos estão alicerçados em um Boletim de Ocorrência Policial. Diante disso não há que se falar que as notícias são errôneas e inverídicas.

Esse é um dos textos que circularam em redes sociais

Um dos donos da academia Estação do Corpo aqui de Divinópolis, Tarcísio, que é personal e professor de educação física, na última sexta fez um evento a noite na academia com música ao vivo e chopp. No meio do evento chegaram uns baderneiros e ele foi chamado e os caras foram embora. Porém, quando estavam arrumando as coisas para fechar a academia eles voltaram e com uma turma maior, bateram demais nele, e na briga um covarde quebrou uma garrafa e passou no rosto dele. Com isso, ele infelizmente perdeu um olho, chegou a ser encaminhado para BH mas n tinha o q ser feito, teve q colocar uma prótese no olho.

Pelo que dizem é uma pessoa boníssima e excelente profissional. Divulguem as fotos e as imagem para pressionar a PM e Polícia civil de Divinópolis a solucionarem o caso o prenderem os autores q atentaram pela vido do Tarcísio!!!!!

Algumas pessoas avaliam que a divulgação de fatos e ocorrências policiais e políticas, por se tratar de veiculo de comunicação local,  vira uma ação entre amigos, que matérias podem ser retiradas, modificadas a bel prazer do alvo da noticia, mesmo que seja opinativa. Que podem cercear a informações.  Porém, por mais doloroso que possa ser o fato, o acontecimento mesmo sendo uma dolorosa tragédia. É um dever e prerrogativa da imprensa, noticiá-lo ou não. 

A seguir alguns comentários que foram postados no site do Divinews: 

“Respeito o seu trabalho de notícias, mas quero esclarecer que a notícia sobre o ocorrido com o empresário de Divinópolis foi fornecida por pessoas equivocadas, em respeito aos familiares e amigos gostaríamos de pedir que fossem retirada da mídia, uma vez que não é a versão verdadeira. Obrigada pela compreensão”

“É lamentável com as pessoas divulgar notícias sem saber de fato o que ocorrido. A mídia não vem para informar e sim para distruir. Vamos respeitar a família. Pessoal perdeu o respeito. Não sabem do que se trata. Vamos colocar a mão na consciência. E saber até onde isso pode atrapalhar o próximo”

“Sistema MPA deveria respeitar o momento de dor da vítima e dos familiares e amigos e não publicar informações inverídicas de fontes não confiáveis! Apenas pela produção de mera matéria! Pedimos encarecidamente pela retirada da mesma! Para que medidas não precisem ser tomadas!”

“Boa Tarde, sou da família e gostaria de encarecidamente solicitar que não publiquem nada a respeito sem a nossa autorização. Os relatos aqui expostos, assim como muitos que estão rolando na mídia são divergentes do que realmente houve. O momento agora é de ter zelo com a dor. Sei que a intenção é boa, e sei do compromisso de vocês. E tenho a certeza que também me entenderão. Desde já, muito obrigada!”.

“Sou aluna da academia e prezo sempre pela verdade, realmente estava acontecendo esta confraternização e houve realmente estas agressões físicas no qual um dos suspeitos apoderou-se de uma garrafa e ao quebra-la agrediu o professor e proprietário da academia, infelizmente não podemos mascarar as coisas temos que ser verdadeiros até mesmo para que a própria polícia militar possa realizar suas diligencias e servir de estatísticas para um melhor policiamento na região”

 

2 comentários em “CASO DA AGRESSÃO EM ACADÊMIA: Quem fala a verdade? A família, ou a Polícia Militar? A polícia!! Baseada em B.O.

  • 21 de janeiro de 2020 em 13:08
    Permalink

    tão querendo esconder o que? nesse angu tem caroço.

    Resposta
  • 21 de janeiro de 2020 em 06:21
    Permalink

    |Sou aluna da academia e prezo sempre pela verdade, realmente estava acontecendo esta confraternização e houve realmente estas agressões físicas no qual um dos suspeitos apoderou-se de uma garrafa e ao quebra-la agrediu o professor e proprietário da academia, infelizmente não podemos mascarar as coisas temos que ser verdadeiros até mesmo para que a própria polícia militar possa realizar suas diligencias e servir de estatísticas para um melhor policiamento na região.

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

11  +    =  19