Felipe Fernandes, assessor do vereador sargento Elton, é suspeito de suposto desvio de recursos da APAN


A Ata da Associação de Promoção e Assistência ao Necessitado (APAN), que tinha como presidente Raimundo Amaro Pereira, foi lavrada em 16 de junho de 2016, ocasião em que foi comunicado que a entidade encerraria suas atividades no dia 31 de dezembro daquele mesmo ano. E foi relatado que, ainda em 2011 foi fechado um convênio entre a entidade e a Prefeitura de Divinópolis, com a duração de dois anos, sendo que Felipe Fernandes dos Santos, atual assessor do vereador Sargento Elton, foi nomeado como administrador do referido contrato de convênio. Ocorre que em 2012, segundo informações contidas na ata, o “administrador Felipe Fernandes dos Santos” começou a ter problemas com a prestação de contas, e toda vez que alguém de dentro da APAN, tentava falar sobre o assunto com o presidente, a resposta era sempre a mesma, que não deveríamos nos preocupar, pois a responsabilidade era do administrador e não nossa”.

Ainda, sendo informações da cópia da ata, em 2012, até fevereiro de 2013 a situação ficou insustentável, com a dívida atingindo o valor de R$ 284 mil reais, com o presidente sendo alertado sobre a falta de prestação de contas. E Raimundo reforçava que a responsabilidade era do administrador, ou seja, do Felipe Fernandes, e que os prestadores de serviços voluntários não deveriam se preocupar.

Em 2014 foi realizada uma nova eleição na APAN, o presidente, Raimundo Amaro Pereira, foi reeleito. E o problema persistiu, mesmo após várias conversas com o secretário à época, Paulo César dos Prazeres e também com o agora ex-prefeito Vladimir Azevedo. O fato é que o rombo continuou assim como também o mesmo administrador.

O Divinews ao tomar conhecimento de tais fatos oficiou a Secretaria de Governo do atual prefeito, Galileu Teixeira Machado, para ter informações sobre a existência ou não de desvio de recursos públicos que foram aportados na entidade, APAN.

A resposta foi que, em uma análise preliminar referente a prestação de contas da Associação de Promoção e Assistência Social, foram verificadas situações aparentemente irregulares. E que tais irregularidades foram constatadas pelo setor da Contabilidade Municipal, que as enviou para a Comissão de Tomada de Contas Especiais. Ao mesmo tempo o secretário de Governo, Roberto Chaves, segundo ele, reportou para que o Prefeito Galileu Machado tome as medidas cabíveis.

O fato é que, desapareceu do caixa da APAN, R$ 284 mil reais na época em que o atual assessor do sargento Elton, Felipe Fernandes, era o administrador do convenio, Prefeitura X APAN, conforme texto que consta na ata. Porém, diante da postura do presidente, conforme relatos também da ata da entidade que não existe mais, paira também a sua conivência.

O Divinews tentou contato com Raimundo Amaro, através de seu advogado, mas não obteve sucesso.

 

 

2 comentários em “Felipe Fernandes, assessor do vereador sargento Elton, é suspeito de suposto desvio de recursos da APAN

  • 30 de setembro de 2019 em 20:28
    Permalink

    Pela moral e bons costumes… Assim como o bozo agora o assessor… Fala ai sr vereador

    Resposta
  • 30 de setembro de 2019 em 19:01
    Permalink

    eu nao voto em policia mas sem duvida se ve que o Sargento Elton gosta e quer o bem de Divinopolis so que esta numa mare de azar e e mal ascessorado entrando em questoes sozinho que nao pode vencer mas sem duvida e um vereador serio

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

4  +  3  =