ÁPICE DA OPOSIÇÃO: pela primeira vez na história de Divinópolis vereadores oposicionistas votaram contra Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO)


A Câmara Municipal de Divinópolis, antes de entrar em recesso, no último dia 2, como é obrigatório, segundo o Regimento Interno da Câmara e a Lei Orgânica do Município, votou a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), que é um dos projetos mais importantes do município, pois é a Lei que estipula metas orçamentária para o ano seguinte – O inusitado, o extremo posicionamento dos vereadores da oposição, ocorreu na votação, já que, segundo um historiador com conhecimento político da Casa, nunca na história de Divinópolis, não  existe registro de que qualquer vereador, tivesse votado contrário a LDO. E a atual legislatura inovou de forma negativa para a Casa Legislativa, quando 5 vereadores, Ademir Silva (PSD), Edson Sousa (MDB), Sargento Elton (Patriota), Janete Aparecida (PSD) e Matheus Costa (PPS), votaram contra – O único vereador de oposição que votou favorável, Foi Roger Viegas. Ao fim o projeto importantíssimo para a cidade, foi aprovado por 8 votos a 5.

As emendas da Vereadora Janete e Sargento Elton foram rejeitadas por todas as comissões por serem incompatíveis com o PPA (Plano Plurianual), sendo inconstitucional

Os cinco vereadores da oposição questionaram que não foram comunicados sobre a rejeição de suas emendas, por isso, segundo o procurador, afirmaram que vão representar no MP, contra o município.

A previsão do orçamento para 2020 é de R$ 677 milhões.

 

EM CONSEQUÊNCIA DO PERÍODO ELEITORAL OS COMENTÁRIOS ESTÃO SUSPENSOS

PODCAST: escuta essa!!