Policia Militar emite Nota sobre prisão de ambulante na manhã desta sexta-feira (21), em Divinópolis


Segundo informações da Comunicação Organizacional da 7ª Região da Policia Militar, sobre a prisão de um ambulante que mobilizou as atenções das redes sociais nesta sexta-feira (21), por ocasião de uma fiscalização feita pelo setor de fiscalização de Código de Postura da Prefeitura de Divinópolis, ocorreu em consequência da sua desobediência civil ao desacatar os fiscais com palavras de baixo calão e tentar fugir do local levando com ele o carrinho com as mercadorias; e que o mesmo ainda jogou o carrinho contra a guarnição policial em flagrante desacato e desobediência – E ainda que, por não obedecer a ordem policial de se colocar em posição de abordagem foi lhe dado voz de prisão, e que ele resistiu, por isso a necessidade do uso da força ( Leia Nota na íntegra )

Nesta data, 21Dez18-Sec, na região central de Divinópolis, durante fiscalização municipal de posturas, com o apoio da Polícia Militar, ao tentar abordar um ambulante que realizava o comércio irregular de frutas, este veio a  desacatar o fiscal de posturas com palavras de baixo calão, tentando evadir-se do local, levando consigo o carrinho com as mercadorias.

Diante do flagrante por desacato e desobediência, foi advertido pela equipe policial e dada ordem para que ele continuasse no local.

Em dado momento, o ambulante jogou todas as mercadorias no chão e usou o carrinho para jogá-lo contra a guarnição.

Foi dada ordem para que ele se colocasse em posição de abordagem, tendo ele não obedecido a ordem legal. Assim, foi necessário o uso de força legal para contê-lo e imobilizá-lo, devido ao seu extremo grau de agressividade.

Após o ocorrido, o autor foi conduzido para a delegacia, onde ocorrência foi encerrada.

Ressalta-se que a Polícia Militar estava naquele local em apoio aos fiscais municipais de postura, para garantir o Poder de Polícia da Prefeitura Municipal de Divinópolis, que cumpria sua obrigação de fiscalizar o comércio irregular de mercadorias na área central da cidade.

Desta forma, a Polícia Militar irá analisar os fatos visando a adoção das medidas legais cabíveis.

 

ACO – 7a RPM

 

12 comentários em “Policia Militar emite Nota sobre prisão de ambulante na manhã desta sexta-feira (21), em Divinópolis

  • 16 de janeiro de 2019 em 13:26
    Permalink

    PRESENCIEI O FATO E ACHEI A POLICIA MUITO VIOLENTA COM O VENDEDOR DE FRUTAS . PENSO QUE ELES PRECISAM DE TRABALHO E A CRISE ESTA DIFICIL PRA QUEM TRABALHA IMAGINA PROS INFORMAIS.
    O FISCAL TB FOI ESTUPIDO.
    DEIXAR A VIOLENCIA QUANDO REALMENTE ESTIVER LIDANDO COM BANDIDO

    Resposta
  • 25 de dezembro de 2018 em 21:04
    Permalink

    o galileu nao tem nada a ver com isso nao foi ele que fes essas leis que o executivo tem que executalas e ele e um bom prefeito para o povao sim so que entregaram para ele uma prefeitura falida pelo PSDB

    Resposta
  • 22 de dezembro de 2018 em 19:54
    Permalink

    Mesmo assim é falta de preparo de um bom profissional usar de psicologia se fosse uma pessoa tentando suicídio fornecia a corda falta de espiritualidade. ..diálogo com a parte mais fraca é sempre o mais importante.

    Resposta
  • 22 de dezembro de 2018 em 18:31
    Permalink

    Em Divinópolis é mais seguro vender droga, que vender FRUTA !!

    Essa porcaria de administração desse prefeito não faz nada pro povo, mas pra colocar dificuldade eles são mestres. Galileu deveria ter é vergonha de usar a prefeitura pra prejudicar o povo que acreditou que ele faria a diferença.

    Tenho vergonha de ter votado em vc, dia 27 você já era !!!!! FORA GALILEU

    Resposta
    • 10 de junho de 2020 em 22:16
      Permalink

      Também presenciei o fato e houve muito exagero no modo como os fiscais e policiais abordaram os ambulantes. Não vi resistência nem desacato.

      Resposta
  • 22 de dezembro de 2018 em 09:20
    Permalink

    nesse pais ainda tem leis a serem obedecidas

    Resposta
  • 22 de dezembro de 2018 em 01:01
    Permalink

    SE ROUBA E VAGABUNDO SE TRABALHA DE AMBULANTE E INVASOR COMO SOBREVIVER EM UM PAIS QUE A CRISE TE OBRIGA A MENDIGAR UM EMPREGO MSM ASSIM NAO O ENCONTRA,ACHO QUE TEM ALGUMA COISA ERRADA COM O BRASIL…

    Resposta
  • 22 de dezembro de 2018 em 00:41
    Permalink

    O problema é que bares e lojas “conhecidos” fazem o mesmo uso do espaço público também obstruindo e não se medida nenhuma serem tomadas. Sobra sempre para o pobre pagar o pato, cara tá trabalhando no sol quente.

    Resposta
  • 21 de dezembro de 2018 em 20:47
    Permalink

    O cidadão opera nas ruas sem licença. Obstrui calçadas. Onera quem paga seus impostos. Ofende leis específicas. Agride fiscais e polícia. Então ele está errado. Usar os problemas econômicos do país não justifica para cometer atos ilícitos. Infelizmente o mundo está ao contrário. O errado se torna certo. E tem gente se aproveitando disso. Fazendo palanque político. Sujeito descumpre leis e se torna herói. Socorro!
    Posição correta da PM. Não se deixar intimidar. Merecem respeito. Protegeram os fiscais de serem agredidos.
    Precisamos de reforma moral. Para ontem. Obrigada.

    Resposta
    • 21 de dezembro de 2018 em 21:37
      Permalink

      Viu -se apenas 2 policiais e um Civil agredindo. Depois mais 2 carros com vários policiais. Utilizaram até gás de pimenta. A polícia militar presta um grande serviço a comunidade. Mas quase 10 policiais ao todo não conseguir prender uma pessoa? Ter que machucá-lo? Sinceramente, estes não servem para o serviço para o qual foram designados. Tal despreparo é tamanho que chega a dar medo.

      Resposta
  • 21 de dezembro de 2018 em 19:05
    Permalink

    coitado de quem e pobre neste país……

    Resposta
  • 21 de dezembro de 2018 em 19:04
    Permalink

    se ele agrediu a fiscalizaçao deve ter cameras de seguranças que mostram ……

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

37  +    =  38

PODCAST: escuta essa!!