Diretório Municipal do PT emite Nota de Repúdio endereçada ao Ministro da Educação, Camilo Santana, por sua falta de visão política

Publicado por: Redação

O Partido dos Trabalhadores de Divinópolis vem, através desta nota, repudiar e rechaçar veementemente o uso oportunista do Prefeito de Divinópolis, Gleidson Azevedo, juntamente com o Governador Zema, que estão transformando o repasse do Hospital Regional ao Governo Federal em um palanque pré-eleitoral.

O Presidente Lula já havia se comprometido com a federalização do hospital, junto à comunidade acadêmica do campus e da cidade, e com todos os movimentos feitos até então em prol da federalização para a UFSJ – Campus Dona Lindu. Não ao oportunismo!

Continua depois da publicidade

O Prefeito Gleison Azevedo, de forma irresponsável e desrespeitosa, já chamou o Presidente Lula de ladrão, insinuou que o presidente bebia cachaça e negligenciava suas funções, e declarou que as obras do hospital estavam atrasadas por culpa de servidores de esquerda.

Além disso, Azevedo afirmou que Lula nunca deveria ter saído da cadeia. Tais declarações são inadmissíveis e revelam um caráter vil e oportunista.

O Governador Zema, por sua vez, tem sido um inimigo declarado da educação em Minas  Gerais, sucateando as universidades estaduais e prejudicando a formação e o futuro de milhares de jovens mineiros. Enquanto isso, o Prefeito Azevedo e sua família constantemente alegam que o governo federal corta o orçamento da saúde, usando essa narrativa para se eximir de responsabilidades e ganhar vantagem política.

O Governo Lula sempre será republicano, mas não aceitaremos aqueles que são negacionistas, que até há pouco tempo atacavam a vacinação infantil, e bolsonaristas de carteirinha, falarem mal do nosso Presidente Lula, espalharem fake news e depois irem buscar as benesses do governo federal!

Saudações petistas sempre!
Diretório Municipal do PT Divinópolis-MG

Entre no grupo do Whatsapp do Divinews e fique por dentro de tudo o que acontece em Divinópolis e região

comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estamos felizes por você ter escolhido deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de privacidade.

  1. Alexandre disse:

    Eta poviiiiinho essa turma Tok Tok.

  2. gil disse:

    Até isto tem que gerar disputa de paternidade?
    O funcionamento do hospital não depende de nomes de políticos.
    É uma necessidade para a cidade e para a região.
    Depois as coisas travam por causa de bobagens e aí? Quem perde é a população. Uma vergonha estes politiqueiros desta terra. Fiquem quietos e calados pelo amor de Deus!

Continua depois da publicidade