Prefeitura de Divinópolis coloca ar condicionado na parede, mas não instala rede elétrica

Publicado por: Redação

A vereadora Lohanna França (PV) questionou a instalação de 4 novos aparelhos de ar condicionado na unidade de saúde do bairro Danilo Passos, que não estão em uso. Durante fiscalização no local na quinta-feira (22/09) a vereadora verificou que a rede elétrica da unidade não suporta a ligação dos aparelhos.

Segundo a parlamentar, a rede elétrica não suporta a ligação de muitos aparelhos elétricos, por ser uma construção muito antiga. “E aí sabe o que o governo de maquiagem do Gleidson fez? Comprou 4 aparelhos de ar condicionados, enfiou na parede e eles não estão ligados, porque a rede elétrica não aguenta. Isso é uma piada com o dinheiro público”, ressaltou.

Continua depois da publicidade

Lohanna frisou que o município recebeu recursos do acordo da Vale, mas não investiu na infraestrutura da unidade de saúde.  “O governo preferiu gastar os R$ 15 milhões da Vale com outras prioridades, mas não foi capaz de construir um posto novo para o Danilo Passos, que está prestes a cair na cabeça de alguém, de um trabalhador, ou de um paciente. É uma piada de mau gosto com dinheiro do divinopolitano. Gleidson rasga dinheiro público. O secretário rasga dinheiro público quando compra ar condicionado que não é ligado na rede elétrica, porque o posto não aguenta!”.

A vereadora esteve na unidade em dezembro de 2021 e oficiou a Semusa sobre todas as irregularidades encontradas à época. Nove meses depois, a situação ainda é a mesma. “A unidade possui goteiras. Na semana passada um servidor foi picado por um escorpião. O posto tá pra cair na cabeça do povo. Gleidson gasta dinheiro da Secretaria de Saúde fazendo o quê, comprando ar condicionado que não vai usar? Só pra fazer vídeo e falar que tem ar condicionado na unidade? Não tem tomada, tem fio solto. Não dá pra ligar. Comprou pra fazer o que faz de melhor, maquiagem e marketing”.

Encerrando seu pronunciamento, Lohanna afirmou que denunciará o prefeito no Ministério Público, por entender que a compra e a instalação dos aparelhos que não podem ser usados é mau uso de dinheiro público.

 

Entre no grupo do Whatsapp do Divinews e fique por dentro de tudo o que acontece em Divinópolis e região

comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estamos felizes por você ter escolhido deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de privacidade.

  1. Anônimo disse:

    Eta ki povo e este minha gente!
    A desculpa de sempre, sem profissional disponível klkkkkkk

Continua depois da publicidade