Prefeito de Divinópolis, irmão do deputado Cleitinho Azevedo (CDN) causa transtornos na vida de trabalhadores de cidades da Região Centro-Oeste


O prefeito de Divinópolis, Gleidson Azevedo (PSC), irmão do deputado estadual Cleitinho Azevedo, que avalizou a candidatura do mano fazendo campanha para que ele fosse eleito, ao bloquear o trânsito dos ônibus intermunicipais na área central da cidade além de causar um grande transtorno de locomoção e gastos para os trabalhadores de outras cidades que forçadamente além do valor da passagem terão em si terão que pagar uma outra de ônibus urbano para a rodoviária, no valor de R$ 4,15 e para embarcar desembolsar mais R$ 3,15 criou também um desagradável cenário político para Cleitinho, que nas eleições de 2022 será candidato a deputado federal, ou mesmo senador.

A propaganda negativa em diversos municípios contra o deputado estadual em suas pretensões políticas, segundo informações de passageiros que ficaram prejudicados será intensa.

O decreto 11.899 que dispôs sobre a definição de itinerário dos ônibus intermunicipais e interestaduais no perímetro urbano foi assinado em 14 de agosto de 2015 pelo ex-prefeito Vladimir Azevedo, e logo a ideia foi abandonada, diante dos conflitos que o mesmo gerou.

Na administração do ex-prefeito Galileu Machado, sequer foi cogitado que o decreto fosse de fato colocado em prática, por que sua aplicação além de confusa era inviável sua fiscalização.

Alguns locais que moradores de tais localidades e que trabalham em Divinópolis serão afetados:  Nova Serrana, Bom Despacho, Pará de Minas, Itaúna, Oliveira, Claudio, Carmo da Mata, Itapecerica, São Gonçalo do Pará,

Leia Decreto

 

7 comentários em “Prefeito de Divinópolis, irmão do deputado Cleitinho Azevedo (CDN) causa transtornos na vida de trabalhadores de cidades da Região Centro-Oeste

  • 30 de novembro de 2021 em 16:08
    Permalink

    OLHA O DIVINÓIA AÍ GENTE!

    Resposta
  • 30 de novembro de 2021 em 15:46
    Permalink

    SOMENTE OS RETARDADOS NÃO EXERGAM O QUE O PREFEITO ESTÁ FAZENDO. MUITAS COISAS QUE OS OUTROS PREFEITOS NÃO FIZERAM, ESTÁ SENDO REALIZADO NESTA GESTÃO. PAREN DE CRITICAR, POIS A CIDADE É GRANDE E É UM PASSO DE CADA VEZ.

    Resposta
  • 30 de novembro de 2021 em 14:43
    Permalink

    Essa porcaria de site só sabe falar mal do prefeito.
    Geraldo a mamata acabou, tira essa porcaria do ar.

    Resposta
  • 30 de novembro de 2021 em 10:13
    Permalink

    Acho que o assunto deve ser tratado de outra forma.
    Não é o prefeito, de quem não sou eleitor, que aumentou os gastos ou causou transtornos aos trabalhadores e aos dos moradores com o presente decreto.
    É necessário que medidas sejam tomadas para melhorar a mobilidade urbana na cidade e isto faz parte do processo.
    Em todas as cidade de médio e grande é assim que funciona, porque Divinópolis seria exceção?
    A cidade, por questões geográficas e de planejamento, não dispõe de muitas vias alternativas para distribuição do transito, o que faz com que surjam vários gargalos que prejudicam a todos. Acho que o jornal deveria analisar o decreto no todo e não simplesmente afirmar que que ele causa transtornos aos trabalhadores.

    Resposta
  • 30 de novembro de 2021 em 09:09
    Permalink

    Uma coisa é certa!!!
    BURRISMO NÃO TEM CURA🐴🐴🐴

    Resposta
  • 30 de novembro de 2021 em 08:07
    Permalink

    Senhor PREFEITO, ADMINISTRAR UMA CASA, UM COMERCIO E/OU UM ÓRGÃO PÚBLICO É A MESMA COISA. TENHO CERTEZA DE QUE SEU PAI TE ENSINOU A ADMINISTRAR O COMERCIO DE VOCÊS PARA QUE HAJA LUCRO. COLOQUE ESSES ENSINAMENTOS EM PAUTA NA ADMINISTRAÇÃO DE DIVINÓPOLIS, EM NOME DO DEUS VIVO E VERDADEIRO.

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  +  83  =  87