Fala machista do prefeito de Divinópolis contra Laiz Soares mobiliza opinião pública contra ele (vídeos e comentários)


Mais uma vez Gleidson Azevedo, do Partido Social Cristão (PSC), irmão do deputado estadual Cleitinho Azevedo (CDN), que trabalhou arduamente para elegê-lo prefeito de Divinópolis demonstra seu perfil extremamente machista ao atacar a ex-candidata a prefeita de Divinópolis, Laiz Soares durante uma entrevista que ele concedeu para uma emissora de rádio – Gleidson Azevedo que se recusa a entender que o cargo de prefeito tem mais ônus do que bônus, usando muitas palavras de baixo calão tentava convencer a população que a cobrança do IPTU resultante da realização do georreferenciamento seria de responsabilidade do seu antecessor e que qualquer um que tivesse ganho as eleições, segundo seu entendimento teria que cobrar o IPTU do georreferenciamento – Depois de citar o nome de alguns ex-candidatos a prefeito nas eleições de 2020, se referiu a Laiz Soares, como “Lala Perturbada” –  Por isso, seu machismo está lhe rendendo comentários que demonstram sua falta de preparo em exercer o cargo de prefeito de Divinópolis.

“Um moleque, a política não é pra gente como vc”

“Medíocre”

“Tenho vergonha de ser representado por esse prefeito”

“Moleque incapaz”

“O prefeito quer apenas mídia e fazer palanque em cima de gente competente, coisa que ele não é”

“É mais fácil atacar mulher né prefeito. Um covarde o senhor é, isso sim”

“Bora processar esse prefeito. Não nos representa! É um moleque incapaz de ocupar o cargo de prefeito”

“ A selvageria é o esporte de alguns. “Lala perturbada “ é o resumo perfeito de alguém que não consegue argumentar ou trabalhar. Laiz, fica firme. Você é maior do que isso” disse a vereadora Lohanna

“La, infelizmente essa não foi a primeira e nem será a última vez que vamos sofrer com o machismo. Nos resta seguirmos juntas para lutarmos contra o desrespeito e essas diversas formas que eles acharam para nos silenciar. Estamos juntas e seguimos ainda mais fortes. Conte comigo! “ Tabata Amaral – deputada federal

Nota do Divinews: O prefeito Gleidson tenta a todo custo tirar de sua responsabilidade a cobrança do IPTU do Georreferenciamento. Contudo, a ele como atual gestor do município partiu a decisão da cobrança. O ex-prefeito Galileu Machado, enviou para a Câmara em 2019 o pedido de autorização de um empréstimo no Banco do Brasil para contratar uma empresa para realizar o georreferenciamento, que foi votado e aprovado. Porém, quem determinou a cobrança foi o prefeito Gleidson Azevedo, já neste ano de 2021.

 

 

 

 

11 comentários em “Fala machista do prefeito de Divinópolis contra Laiz Soares mobiliza opinião pública contra ele (vídeos e comentários)

  • 26 de novembro de 2021 em 18:29
    Permalink

    O georreferenciamento cobra dos sonegadores, não da para deixar a conta para os poucos que andam correto. O que não pode é este tipo de atitude de um despreparado, acho que ele ainda nem sabe a relação entre o georeferenciamento e os sonegadores de impostos.

    Resposta
  • 26 de novembro de 2021 em 17:41
    Permalink

    Importa sim , pois estão usando o georreferenciamento como ponto negativo do atual prefeito e isto não é verdade , a política é podre !
    Considero a atuação do prefeito melhor do que muitos que passaram pela prefeitura com falas bonitas , discursos com efeitos e pouca ação em infraestrutura , mas com secretários suspeitos e investigados tem até vice que responde na justiça por desvios .
    ATÉ QUE ME PROVEM O CONTRÁRIO , É SÓ CONVERSA FIADA CONTRA O ATUAL PREFEITO !!
    Deixem o Jovem trabalhar

    Resposta
  • 26 de novembro de 2021 em 14:45
    Permalink

    Tenho vergonha de ter esse verme como prefeito da nossa cidade. Esse sim é um doente, ridículo, tenho dó das mulheres que têm que conviver com esse lixo.

    Resposta
  • 26 de novembro de 2021 em 12:21
    Permalink

    Desde os primórdios, lógica: ótimo vendedor de alface

    Resposta
  • 26 de novembro de 2021 em 09:30
    Permalink

    Quando falta a inteligência na pessoa, dá é nisso que acabamos de assistir….. Eleitores, não façam isso para nossa cidade novamente, ela (Divinópolis) não merece uma administração dessa, pelo amor de Deus 🙏🙏🙏🙏🙏

    Resposta
    • 26 de novembro de 2021 em 16:54
      Permalink

      Que falta de preparo, de experiência de equilíbrio emocional.
      Como uma pessoa dessa conseguiu se eleger?
      Quem votou nele, não deve ter um pingo de escolaridade.

      Resposta
    • 26 de novembro de 2021 em 17:45
      Permalink

      Para quem está acostumado com : Wladimir , Galileu , Domingos , Jaiminho , Tolentino
      acho que melhorou …

      Resposta
  • 26 de novembro de 2021 em 09:27
    Permalink

    O georeferenciamento é necessário, a revisão da planta do IPTU idem.
    Só os poderosos especuladores imobiliários, ( e alguns políticos do baixo clero) é que acham injusto pois não gostam de pagar.
    A única coisa que não é necessária é a cidade ser governada por pessoas como estas que aí estão ( prefeito, vice, secretários, diretores e gerentes ( com raras exceções) e membros da câmara ( também com raras exceções).
    Desprezíveis, arrogantes e incompetentes
    Está na hora deste pessoal ser sacado do poder.
    Chega de palhaçadas, a cidade não merece ser envergonhada assim.

    Resposta
  • 26 de novembro de 2021 em 08:48
    Permalink

    Acredito que enquanto continuarem com essa postura de críticas pessoais Divinópolis vai continuar perdendo empresas e geração de renda para as cidades vizinhas. O prefeito perdeu a oportunidade de falar sem críticas e a ex candidata perdeu a oportunidade de falar sobre assuntos que demonstram a condição de exercer o cargo ao qual concorreu.

    Resposta
  • 26 de novembro de 2021 em 08:46
    Permalink

    Vergonha para vcs.Não respeitam seu Prefeito.Moleque é quem ganha a vida, para falar mal dos outros.

    Resposta
  • 26 de novembro de 2021 em 08:46
    Permalink

    Não importa quem determinou a realização do georreferenciamento. O que importa é que passou da hora de pegar os “sonegadores” de IPTU. O cerne da polêmica é este e ponto final.

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

74  +    =  84

PODCAST: escuta essa!!