COVID-19: Prefeitura de Divinópolis autoriza vacinação de profissionais da imprensa que cobrem a linha de frente da pandemia; além de estagiários da saúde


Foi reaberto hoje, quarta-feira  (30), em Divinópolis, o recadastramento para os profissionais da saúde, além dos estagiários.  A novidade é que, os profissionais da imprensa, cinegrafistas e jornalistas, exclusivamente os que atuam na linha de frente fazendo coberturas sobre a pandemia também poderão ser vacinados após a realização do cadastramento.

Para solicitar o agendamento da vacina, cada veículo de comunicação deverá enviar para o município através da Secretaria de Governo ou a Secretaria de Saúde, a  lista com nome, CPF, função e justificativa da vacinação do profissional, explicando como o profissional atua na linha de frente da saúde.

Após aprovação dos profissionais, no momento da vacinação, ele deverá apresentar os documentos comprovando a profissão, e declaração que realiza a cobertura de matérias na linha de frente na área da saúde.

Os trabalhadores de Serviços de Saúde, fora da linha de frente, devem comprovar o vínculo empregatício nos estabelecimentos de saúde em Divinópolis através da Carteira de Trabalho. Os profissionais autônomos, devem apresentar carteira do respectivo Conselho (dentro da validade) e comprovante de efetivo exercício da atividade, podendo ser alvará sanitário, CNES (Cadastro Nacional de Estabelecimento de Saúde) que ficará retida no ato da vacinação, indicando a atividade exercida e endereço do local de atendimento. É obrigatório levar cópias dos documentos, pois eles serão retidos.

Os estagiários da área da saúde que estão em hospitais, UPA e unidades de saúde da Prefeitura devem comprovar o vínculo de estágio em estabelecimento de saúde situado em Divinópolis a partir do contrato de estágio. Estão incluídos estagiários das áreas de: enfermagem, técnico de enfermagem, medicina, fisioterapia, psicologia, odontologia, farmácia, nutrição, terapia ocupacional, biomedicina, fonoaudiologia, educação física e assistência social.

4 comentários em “COVID-19: Prefeitura de Divinópolis autoriza vacinação de profissionais da imprensa que cobrem a linha de frente da pandemia; além de estagiários da saúde

  • 30 de junho de 2021 em 13:54
    Permalink

    Será que tenho prioridade ? Sou o repórter da rua e do bairro . Eu quero .Arruma uma brecha pra mim . Preciso prefeito por favor .

    Resposta
  • 30 de junho de 2021 em 13:48
    Permalink

    Porque eles não falam em priorizar os andarilhos ?
    Eles são iguais os repórteres andam por todos os lugares . Este BRASIL tem jeito pra tudo , mas : esqueceram de mais alguns .isso se chama BRASIL dos previligiados .
    Nada …….nada……nada……….🐵 me sentindo uma 🕷 perdida no espaço .
    Parabéns prefeitaveis dos escolhidos .
    Eu quero a minha imunidade já sou vendedor de picolé e balas no trânsito .
    Obrigado .🐽

    Resposta
  • 30 de junho de 2021 em 12:02
    Permalink

    Olha a boiada passando!!! A forma mais democrática seria o critério pela idade, além das pessoas que estão diretamente enfrentando a doença (técnicos de enfermagem, limpeza das alas covid etc.) idosos e pessoas com algumas comorbidades e ponto final. Agora, a cada hora, uma categoria clama fazer parte do grupo de risco. Podres, negros e negras, e moradores e moradoras de “periferia” das cidades são excluídos, e são os que mais vêm sofrendo e morrendo pela Covid-19.

    Resposta
  • 30 de junho de 2021 em 11:53
    Permalink

    Absurdo, absurdo, absurdo! Divinopolis não avança na vacinação, pois toda hora cria privilégio! Servidores públicos que não são da saúde não podem vacinar. Imprensa é brincadeira!!! Fura fila. Tinha que seguir a idade!!!

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

51  +    =  59