Prefeito de Divinópolis em Nota explica burocracia na liberação dos R$ 40 milhões de empréstimos para obras na cidade


A Administração Municipal e a população de Divinópolis aguardam, com expectativa, o fim do trâmite burocrático para que o Município possa, finalmente, utilizar os R$ 40 milhões destinados ao recapeamento e manutenção das ruas da cidade. A tomada de empréstimo foi autorizada pela Câmara Municipal no final do ano passado. Porém, em 2020, o Governo Federal reduziu drasticamente o valor da linha de crédito oferecido para esse fim aos municípios (de 11 bilhões de reais em 2019 para 3,5 bilhões de reais em 2020). Somente no dia 29 de maio a situação começou a ser normalizada, quando o Tesouro Nacional aportou mais R$ 4 bilhões para essa linha de crédito.

“É importante essa informação para que a população saiba com clareza o que está acontecendo, antes que alguém desinformado ou mal intencionado venha dizer que nós fizemos o empréstimo e ainda não executamos o serviço”, destacou o Prefeito Galileu Machado, ao ser informado da liberação dos recursos pelo Tesouro Nacional. “Ninguém mais do que eu, quer a realização desse serviço. Será a maior obra de pavimentação e recapeamento da história de Divinópolis”, ressaltou.

“Para agilizar o processo, nós já licitamos a empresa que realizará as obras. Assim que o dinheiro for disponibilizado, daremos, imediatamente, a ordem de serviço”, destacou o Prefeito. A previsão é de que, dos R$ 40 milhões, R$ 15 milhões sejam liberados a junto ao Banco do Brasil ainda no mês de junho. Os outros R$ 25 milhões, que serão contratados junto à Caixa Econômica, serão utilizados em outro processo licitatório, já em vias de publicação de edital.

“Em que pese todo do procedimento de contratação do crédito e a aprovação de toda a documentação, o Município ainda não acessou esses valores. Mas população pode estar certa que, em breve, faremos isso em grande estilo, asfaltando e recapeando as ruas da nossa cidade”, concluiu Galileu Machado.

4 comentários em “Prefeito de Divinópolis em Nota explica burocracia na liberação dos R$ 40 milhões de empréstimos para obras na cidade

  • 6 de junho de 2020 em 18:31
    Permalink

    Três anos e meio enchendo a prefeitura de cargos de chefias não fez nada para a cidade, em seis meses vai fazer o quê? Vai fazer campanha política.

    Resposta
  • 6 de junho de 2020 em 08:30
    Permalink

    NÃO PODE LIBERAR NÃO, POIS VÃO SUMIR COM O DINHEIRO, SEM FAZER NENHUMA OBRA.
    CADÊ O MP E VEREADORES PRA NÃO DEIXAR ENTRAR ESTE DINHEIRO NOS COFRES DA PREFEITURA.

    Resposta
  • 5 de junho de 2020 em 09:44
    Permalink

    O Sr deveria exonerar todos os cargos comissionados e colocar os apostilados que estão sem fazer nada para trabalhar que teria uma excelente economia nesse momento difícil.

    Resposta
  • 5 de junho de 2020 em 09:39
    Permalink

    Que obras? Que ganhar eleição 22. Vai pensar nesta PANDEMIA que mata os filhos da terra.

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PODCAST: escuta essa!!