Gráfico da Vigilância Sanitária mostra vertiginosa aceleração dos casos suspeitos de coronavírus em Divinópolis


O gráfico divulgado nesta sexta-feira (27) de casos de suspeitos totais, mostra uma evolução de evolução de casos suspeitos de coronavírus em Divinópolis – No dia 21 de março, eram 143 casos suspeitos, que foi subindo gradativamente para alcançar dois dias depois, no dia 24 de março, 169 casos, e já no dia seguinte 25 de março, chegar quase ao dobre, 312. De um dia para o outro, no dia 26 subiu mais de 20% alcançando 376 casos. Os números desta sexta-feira (27) ainda não foram para a planilha. Contudo, em simples projeções matemáticas, é que em 1º de abril esse número possa ser de 752 casos em uma análise simplista, porém se for levado em consideração a progressão dos técnicos de saúde da multiplicação vetorial o número será bem maior que 1.000 (mil casos suspeito)   

2 comentários em “Gráfico da Vigilância Sanitária mostra vertiginosa aceleração dos casos suspeitos de coronavírus em Divinópolis

  • 27 de março de 2020 em 22:57
    Permalink

    E o empresariado, contrariando todas as evidências e exemplos dos países de primeiro mundo ( Itália e Espanha), querendo voltar tudo ao normal.
    Não sei se o nosso vírus é diferente de lá e já encontraram a cura? Ou tem outra a intenção.
    Se voltar ao normal agora as atividades comerciais, em no máximo um mês, como observamos em outros lugares, pararemos novamente, mas aí será porque estaremos doentes.
    Não faz muito sentido voltar agora.

    A não ser que tenha outro raciocínio. Se parar agora, o patrão arca com toda dispesa. Se voltar e para por causa da doença, depois de algum tempo inválido, o funcionário passa a receber pelo INSS, desonerando o patrão. Será que é isso?
    O risco é a morte de alguns!

    Resposta
    • 28 de março de 2020 em 15:54
      Permalink

      Quem é a favor da abertura do comércio deveria assinar um termo abrindo mão do respirador já que considera a saúde da empresa mais importante que a sua.

      Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PODCAST: escuta essa!!