FEMINICIDIO: Por negar relação sexual com marido, jovem mulher é morta em Divinópolis


Divinópolis amanheceu em comoção pelo crime de feminicidio que ocorreu durante a madrugada deste domingo (22). Segundo informações da Assessoria de Comunicação do Samu, a Central de Regulação recebeu um chamado na madrugada deste domingo (22), exatamente às 03h38 para atender um homem e uma mulher que foram feridos por facadas, sendo que a mulher já estava em óbito e o homem muito ferido foi encaminhado para a sala vermelha do Hospital São João de Deus. Somente ao chegar ao local é que a tragédia se revelou, segundo matéria publicada no O Tempo, o motivo do assassinato teria sido em consequência da mulher, Janaina Figueiredo, de apenas 23 anos, ter se negado fazer sexo com o marido, Neivan Mourão Froes, um ano mais velho, 24 anos – Após ter sido rechaçado, ele usou uma faca e golpeou o pescoço da mulher e a seguir tentou se matar se auto esfaqueando. Porém o Samu chegou em tempo de salvar a vida de Neivan – Ainda conforme o jornal, após o cometimento do crime, Neivan teria enviado uma mensagem para o irmão da vitima, que de forma fria relatou para ele: “sua irmã não quis transar comigo, por isso matei ela, me perdoe”

 

28 comentários em “FEMINICIDIO: Por negar relação sexual com marido, jovem mulher é morta em Divinópolis

  • 27 de dezembro de 2019 em 20:24
    Permalink

    Até quando as mulheres vão morrer neste País? Fico indignada.
    NADA justifica tirar a vida de outra pessoa.

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 22:50
    Permalink

    O Amor do mundo esfriou como ja está previsto no fim dos Tempos.

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 22:19
    Permalink

    E só que vemos ultimamente relacionamento abusivo achando que é dono da pessoa .mulher vamos ficar atenta menor sinal de abuso não podemos aceitar. ficar sozinha não é feio .

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 22:07
    Permalink

    Mas quem fez isso não pode ser considerado um ser humano… E sim um monstro..

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 21:26
    Permalink

    Ele é um monstro, por que ele ñ se matou invés de mata-la, esses crimes tem que acabar

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 20:59
    Permalink

    Só desejo que na cadeia, ele não passe um fia sem transar com todos os prisioneiros e Neivan passe a chamar “Neiva”

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 20:18
    Permalink

    Por que a foto da vítima está sendo exposta ao invés da foto do agressor?
    Até quando isso?
    Esse criminoso precisa.ser exposto, a vítima não. Deixa a moça em paz!

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 15:21
    Permalink

    Oxe! Era somente ter se matado e pronto. Deixasse ela viva.

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 14:30
    Permalink

    Por isso não podemos nos calar. Toda forma de conscientização e enfrentamento deve ser ampliada às Mulheres e homens.

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 14:02
    Permalink

    problema maior é que não vai pagar pelo ato.leis do brasil.

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 14:01
    Permalink

    problema maior é q não pagar pelo ato.leis brasileiras.

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 12:15
    Permalink

    É o que acontece quando se coloca no governo um mando de machistas, homofóbicos, racistas que invalidam a existência das minorias e ainda pregam a tortura, a violência. Fatos como esse se tornam “normais”. Brasil vivendo a Idade das Trevas.

    Resposta
    • 24 de dezembro de 2019 em 12:28
      Permalink

      😔😔😔😔😔😔😔😔😔😔

      Resposta
    • 27 de dezembro de 2019 em 12:46
      Permalink

      Como se antes do governo atual esse tipo de crime não existisse! Me poupe! Temos que ser responsáveis pela criação e educação de nossos filhos. Devemos ensiná-los a amar e respeitar o próximo. Tudo começa em casa!

      Resposta
    • 27 de dezembro de 2019 em 13:04
      Permalink

      Como se antes do governo atual esse tipo de crime não existisse! Ora, me poupe! Temos que criar nossos filhos ensinando-os a amar e respeitar o próximo. Incondicionalmente. Isso não é papel do governo ou da escola. Educação e respeito devem ser ensinados em casa. O que o governo pode fazer é criar políticas públicas de prevenção e o judiciário cumprir efetivamente a lei. Não basta o legislador endurecer as leis se elas não são corretamente aplicadas. Terceirizar a culpa é muito cômodo. Ah, e não devemos esquecer que quem elege nossos governantes somos nós. Logo, a responsabilidade é muito nossa!

      Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 11:56
    Permalink

    Lamentável. Pleno século 21 e as mulheres ainda são vistas por alguns como escravas.

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 11:50
    Permalink

    Um assassino não surge da noite para o dia. Esse tipo de violência só brota em corações, com má tendência, a circustancia só revela o que ele trás dentro de si. Que sofrimentos como esses, ensine nossas consciências a escolher bem, nosso siclos de relações. Conjugais ou fraternas.

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 11:49
    Permalink

    Não é só maldade. Trata-se da barbarie do machismo, resultado da idrologia patriarcal de gênero que legítima o controle dos corpos femininos pelo homem. Devemos repudiar tais práticas e afirmar a soberania das mulheres sobre seus corpos. Devemos reeducar os homens na perspectiva de relações igualitárias de Gênero e promover os direitos humanos das mulheres

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 11:32
    Permalink

    Pratiquem um jornalismo mais humano e ético! Parem de justificar um crime ou culpabilizar a vítima. O correto seria dizer algo do tipo “homem não aceita o não de sua esposa e a mata friamente.”. Outro ponto importante, parem de expor somente o rosto da vítima, exponham a cara do criminoso! Ele sim merece ser conhecido para que assim outras mulheres não passem pelo mesmo com esse lixo humano.

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 10:38
    Permalink

    Porque estamparam a foto da moça, e não a do covarde canalha que a assassinou? A pagina tambem é machista? Precisam mudar o posicionamento, o homem a matou por covardia, e outra, nenhum de voces reporteres etc..estavam lá para saber se o real motivo foi esse, afinal a moça ja estar morta nao pode se defender. A noticia está baseada na historia que o covarde contou. E ai exibem a foto da moça como se ela fosse a responsavel por ter morrido. Porque nao postam a foto do assassinos? Bando de jornalecos de meia pataca…sensacionalistas…machistas…miseraveis…canalhas…covardes….fazem jornalismo descentes..suas merdas!

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 09:12
    Permalink

    Mulheres devem começar a matar e serem preparadas para isso pois esperar pela justiça ainda teremos muito sangue derramado!

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 09:03
    Permalink

    O homem não nasce machista, ele se torna. A sociedade precisa mudar a forma de pensar e agir. Eles (homens) tem que entender que a mulher nao é um produto para servi-lo. Mas mudar o que esta arraigado leva tempo. Quem sabe daqui uns 30/50 anos essa realidade seja diferente, qndo tivermos um governo com politicas publicas voltadas para esse tema e leis mais rigidas para esses crimes.

    Resposta
  • 23 de dezembro de 2019 em 04:29
    Permalink

    Meu Deus, até onde vai a maldade de um ser humano.

    Resposta
    • 23 de dezembro de 2019 em 09:41
      Permalink

      Cadê a foto dele?
      Pq só a foto dela?

      Resposta
    • 23 de dezembro de 2019 em 09:57
      Permalink

      Essas maldades têm gênero: sao praticadas por homens. Não dá pra generalizar falando “ser humano”, como se fosse indiscriminadamente praticada por homens e mulheres. O criminoso é sempre um homem. Nós, mulheres, sempre vítimas.

      Resposta
    • 23 de dezembro de 2019 em 10:12
      Permalink

      Vocês deveriam mudar a narrativa do texto, está muito mal escrito! “O motivo do assassinato teria sido em consequência da mulher ter se negado fazer sexo com o marido”. Achei um absurdo a forma como foi escrito, recaindo sobre a mulher o motivo do assassinato 😠. O motivo foi em consequência do homem não ter aceitado a recusa da mulher… 🤦. E ainda o destaque da matéria é “Feminicídio: por negar sexo”. Parece que estão justificando o crime.

      Resposta
    • 23 de dezembro de 2019 em 12:11
      Permalink

      Misericórdia senhor fim dos tempos
      Tem compaixão muito triste

      Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

20  −    =  12

PODCAST: escuta essa!!