Delegado avalia que crime cometido contra Amanda é um dos mais bárbaros e cruéis que ocorreram em Divinópolis nos últimos anos


Segundo o Delegado Regional da Policia Civil em Divinópolis, Leonardo Pio, em entrevista ao Divinews, ainda no dia em que Sara Maria de Oliveira foi presa e posteriormente concedeu uma fria entrevista, dizendo sobre a motivação do crime que cometeu, matando a criança Amanda Filgueira Calais, “O que se percebe é que o homicídio da Amanda, é um dos crimes mais bárbaros já visto na história de Divinópolis e da Região. Poderíamos falar até do país, por tudo o que foi levantado no local do crime, como foi executado, e a motivação que a autora do crime narrou”.

Segundo o Delegado Regional da Policia Civil em Divinópolis, Leonardo Pio, em entrevista ao Divinews, ainda no dia em que Sara Maria de Oliveira foi presa e posteriormente concedeu uma fria entrevista, dizendo sobre a motivação do crime que cometeu, matando a criança Amanda Filgueira Calais, “O que se percebe é que o homicídio da Amanda, é um dos crimes mais bárbaros já visto na história de Divinópolis e da Região. Poderíamos falar até do país, por tudo o que foi levantado no local do crime, como foi executado, e a motivação que a autora narrou.”

Leonardo Pio, na entrevista, relatou: “Ela alega que foi por questões de vingança, contra a mãe da Amanda. Por acreditar que foi a mãe dela a teria denunciado no Conselho Tutelar. E como ela não conseguia se vingar da mãe, ela resolveu fazer a mãe da Amanda sofrer, tirando a vida da criança.”

“Ela admitiu a autoria do homicídio, e com frieza disse que atraiu a criança para o interior de sua residência, se apossou de uma corda, estrangulou a vítima, colocou na área de serviço, quando percebeu que a criança ainda apresentava sinais vitais, pegou um balde com água, mergulhou a cabeça da Amanda dentro do balde, até que a mesma falecesse.”

“Enquanto isso o corpo permaneceu por mais ou menos 5 horas ainda no interior da residência da autora”

“Ela então, ficou acuada com a comoção social que estava acontecendo, com a rua totalmente tomada, em frente a casa da Amanda. Por volta da meia noite, ela arremessou o corpo para a parte inferior da residência, e o corpo foi localizado pelos demais moradores”

“No momento (da entrevista) ela, aparentemente, ainda eivada de raiva. Ela ainda demonstra sinais de raiva contra a mãe da Amanda. E isso tudo está sendo levado para dentro do inquérito policial, até mesmo para delinear bem a motivação”, finalizou o delegado.

Em 2010, ocorreu um assassinato de grande repercussão em Divinópolis, quando a psicóloga Cassiane Rodrigues Maia morta pelo ex-namorado, Dirceu Quadros, que primeiro estrangulou a vítima e depois lhe desferiu várias facadas.

Um outro crime ocorreu em 2011, no Centro Socioeducativo, quando um adolescente matou o outro e arrancou os olhos da vítima.

E mais recentemente, um dia antes do assassinato de Amanda, o cabelereiro José Osvaldo Sobrinho, foi assassinado por Lucas Anacleto, que tentava esconder, o caso homoafetivo entre ambos.

 

EM CONSEQUÊNCIA DO PERÍODO ELEITORAL OS COMENTÁRIOS ESTÃO SUSPENSOS

PODCAST: escuta essa!!