DATAFOLHA: Bolsonaro vai a 35% no 1º turno e empata no 2º, Haddad 44%, ele com 43%; campanha de Bolsonaro foi impulsionada por fake news


A nova pesquisa Datafolha, divulgada na noite desta quinta-feira, mostra que as emissoras de TV foram superadas pelas redes sociais, com o candidato de extrema direita Jair Bolsonaro (PSL) alcançou 35%, aumentando três pontos percentuais em relação à pesquisa anterior, na terça-feira. Em segundo lugar, aparece Fernando Haddad (PT), oscilou de 22% para 21%. – No segundo turno, os cenários são muito mais apertados para ele. Nas simulações do embate final, Haddad tem 44% contra 43% de Bolsonaro, uma situação de empate técnico. O pedetista Ciro Gomes, que estancou em 11% no primeiro turno, é o que bate com folga o capitão reformado do Exército: 48% X 42%. É a segunda vez que o Datafolha sai às ruas na reta final de campanha de primeiro turno. O instituto ouviu 10.930 eleitores, entre a quarta, dia 3, e quinta, dia 4 – a margem de erro são dois pontos para mais e para menos.

Na pesquisa da segunda, Bolsonaro já havia crescido, mesmo após ter sido alvo de protestos históricos liderados por mulheres que se mobilizaram sob a consigna #elenão contra a retórica machista e racista do candidato. A alta acendeu todos os alarmes da campanha de Haddad, que passou, tardiamente, a prestar atenção na ofensiva de Bolsonaro via WhatsApp. A capilaridade da campanha do candidato no aplicativo é grande e não dispensa, como mostrou reportagem do EL PAÍS, uma azeitada máquina de mentiras camufladas de notícias.

Outro dado da pesquisa é a estabilidade nos índices de rejeição dos candidatos. A de Bolsonaro ficou em 45%. Já a de Haddad oscilou de 41% para 40%. A próxima pesquisa é no sábado, véspera do primeiro turno.

Os números da pesquisa – Entre parênteses os números da pesquisa anterior. 

Jair Bolsonaro (PSL): 35% (32%)

Fernando Haddad (PT): 22%(21%)

Ciro Gomes (PDT): 11% (11%)

Geraldo Alckmin (PSDB): 8% (9%)

Marina Silva (Rede): 4% (4%)

João Amoêdo (Novo): 3% (3%)

Alvaro Dias (Podemos):2% (2%)

Henrique Meirelles (MDB): 2%(2%)

Cabo Daciolo (Patriota):1% (2%)

Guilherme Boulos (PSOL): 0%(0%)

Vera (PSTU): 0%(1%)

João Goulart Filho (PPL): 0% (0%)

Eymael (DC): 0%(0%)

Brancos/nulos: 6%(8%)

Não responderam:5% (5%)

REJEIÇÃO DOS CANDIDATOS

Jair Bolsonaro (PSL): 45% (45%)

Fernando Haddad (PT): 40%(41%)

Ciro Gomes (PDT): 21%

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

COMENTÁRIO SEM IDENTIFICAÇÃO DO FACEBOOK