Com 36 mil pessoas inscritas processo seletivo para concurso da Prefeitura de Divinópolis é prorrogado


O motivo das inscrições para o concurso público da Prefeitura de Divinópolis, ter sido prorrogada, foi em consequência da retificação do cargo de agente comunitário, que seria no dia 8. Com duas datas o entendimento ficou confuso, para não acontecer contratempos, a empresa organizadora do concurso, em acordo com a coordenação do concurso no município decidiram adiar as inscrições para todos os cargos para o dia 8 de fevereiro – Até o momento, foram realizadas 36 mil inscrições e os cargos mais procurados são os de agente de administração, agente de saúde e professor de educação infantil – A retificação será publicada no Diário Oficial desta sexta-feira (02), prorrogando as inscrições, sendo que o dia 09 será o último dia para o pagamento do boleto bancário.

As inscrições para o concurso público da Prefeitura de Divinópolis serão prorrogadas até 8 de fevereiro. De acordo com a Comissão de Concurso, até o momento, foram realizadas 36 mil inscrições e os cargos mais procurados são os de agente de administração, agente de saúde e professor de educação infantil – A retificação será publicada no Diário Oficial desta sexta-feira (02/02), prorrogando as inscrições, sendo que o dia 09 será o último dia para o pagamento do boleto bancário.

As inscrições serão realizadas pela internet, no endereço eletrônico do IBFC (www.ibfc.org.br). A prova será em 18 de março. São 370 vagas para diversas áreas e a execução é de responsabilidade do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC).

Para solicitar inscrição na reserva de vagas, o candidato com deficiência deverá encaminhar ou entregar até 9 de fevereiro, via Sedex, correspondência com registro de Aviso de Recebimento (AR) ou entregue pessoalmente ao IBFC, Rua Waldomiro Gabriel de Mello, 86 – Chácara Agrindus – Taboão da Serra – SP – CEP: 06763-020, os documentos a seguir:

O candidato que, por qualquer razão, passe a necessitar de condições especiais para a realização das provas, deverá encaminhar, até 9 de fevereiro, via Sedex ou correspondência com registro de Aviso de Recebimento (AR) ou entregue pessoalmente, ao IBFC, situado à Rua Waldomiro Gabriel de Mello, 86, Chácara Agrindus, Taboão da Serra – SP – CEP: 06763-020 o requerimento de condição especial Anexo II devidamente preenchido e assinado.

Ao todo serão 107 cargos disponíveis para diversas áreas, e os salários variam de R$ 1.291,51 a R$ 8.829,79. Entre as áreas que mais possuem vagas, estão as de professores para atuação na educação infantil e nos anos iniciais do ensino fundamental, com 30 vagas e salário de R$ 2.020,15. Para técnico de enfermagem (PSF), são 20 vagas com remuneração de R$ 1.680,69. Já para agente de administração, são 20 vagas com salário de R$ 1.291,51.

O candidato que não tiver acesso à internet poderá usar computadores dispostos no Centro de Atendimento ao Cidadão na Câmara Municipal. São 206 vagas para o ensino superior, 85 para o médio e 79 vagas para o ensino fundamental. As provas serão no período da manhã e da tarde, de acordo com o cargo desejado. São reservadas 10% das vagas para pessoas com deficiência.

O prazo de validade do certame será de dois anos, contados a partir da data da homologação do resultado final e pode, a critério da Administração, ser prorrogado por igual período. Os candidatos nomeados estarão sujeitos ao Estatuto dos Servidores Públicos do Município de Divinópolis, Lei Complementar n° 009, de 03 de dezembro de 1992 e suas alterações.

 

 

Foto de arquivo da secretária de Administração

quando do lançamento do Concurso

5 comentários em “Com 36 mil pessoas inscritas processo seletivo para concurso da Prefeitura de Divinópolis é prorrogado

  • 2 de fevereiro de 2018 em 19:21
    Permalink

    E o cargo de professor de música !!!! É isso mesmo? Para exercer a profissão de professor não precisa ter diploma de curso superior reconhecido pelo MEC? Não precisa saber didática, legislação de ensino, psicologia da educação? É só necessário ter ensino fundamental completo e registro na OMB? Que desprezo pela profissão de professor. Quem se candidata a aprender música com um “dito professor ” sem formação acadêmica????

    Resposta
  • 2 de fevereiro de 2018 em 08:29
    Permalink

    E a questão do cargo de professor de música!!! É verdade que para exercer a profissão de professor, não é necessário ensino superior completo na área reconhecido pelo MEC, mas somente ensino fundamental? Que tipo de professor é este? Sem conhecimentos de didática, legislação educacional, psicologia da educação, estágio supervisionado etc. Que desprezo pela profissão de professor. A valorização é somente no discurso da mídia.

    Resposta
    • 2 de fevereiro de 2018 em 08:32
      Permalink

      Alguém se candidata a frequentar curso de música com aulas ministradas por professor não formado e exercendo a profissão irregularmente?

      Resposta
  • 2 de fevereiro de 2018 em 06:31
    Permalink

    essa mulher ai e muito fraca nao tem experiencia administrativa nenhuma como sempre uma indicacao politica

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.