“NÃO PENSAVA QUE GALILEU IA FAZER ISSO COM A GENTE”: Pipoqueiro de 70 anos impedido de trabalhar, lamentou


Sebastião Campos Caetano, conhecido como “Tião Galinha”, na última sexta-feira (17), estava perambulando de gabinete em gabinete, na Câmara de Vereadores de Divinópolis, desolado por ter sido expulso da Praça da Rua São Paulo, por fiscais de postura da Prefeitura – O pipoqueiro, choroso contou que criou toda sua família vendendo pipocas e até hoje a família, ele, a mulher, um filho e um neto dependem do seu ganho para conseguirem se alimentar – Tião Galinha, como é conhecido, disse que só tem idade para trabalhar, não tem mais idade para roubar, e ainda que tivesse não faria isso. Mas os jovens “descabeceados”, acabam fazendo por que não podem trabalhar honestamente. “Eles expulsam a gente e não explicam nada, não dão solução para o nosso problema. Não pensava que o Galileu ia fazer isso com a gente” lamentou – No momento do seu lamento na Câmara, pairou a dúvida, se pipoqueiro pode ser considerado camelô – O Divinews tentou contato com as Secretarias pertinentes, de Meio Ambiente e de Desenvolvimento Social, porém pelo horário, na sexta-feira, não conseguiu. O espaço está aberto para a manifestação da Prefeitura, e o mais importante é resolver o problema de Sebastião. Ou no minimo instruí-lo  do que fazer para continuar trabalhando. 

  

 

37 comentários em ““NÃO PENSAVA QUE GALILEU IA FAZER ISSO COM A GENTE”: Pipoqueiro de 70 anos impedido de trabalhar, lamentou

  • 30 de novembro de 2017 em 09:20
    Permalink

    O melhor pra Divinópolis , era o Marquinho. Esse velho já passou do tempo . Ganhou várias vezes e nunca fez nada.

    Resposta
  • 30 de novembro de 2017 em 06:49
    Permalink

    Prioridade no governo do Galileu e arrecadar nas custas da população e não se preocupa com as empresas da cidade. Como as grandes empresas estão fechando ou indo embora de Divinópolis agora ele está atacando os autônomos.
    Que grande administração esse ………. esta fazendo.

    Resposta
  • 29 de novembro de 2017 em 01:29
    Permalink

    CARA AMIGA, SE POSSO TE CHAMAR ASSIM.
    ESSA LEI O GALILEU CUMPRI NÉ, MAS AS QUE PRECISAM MESMO ELE DEIXA DE LADO.
    EU CONHEÇO O SR. TIÃO HÁ ANOS, E POSSO GARANTIR QUE ELE É UM SENHOR HONESTO E TRABALHADOR. ENTÃO SE VC ENTENDE DE LEI AJUDE ELE.
    SERÁ MELHOR E MAIS BONITO DO QUE AJUDAR E DEFENDER QUEM NÃO PRECISA.
    OK.

    Resposta
  • 28 de novembro de 2017 em 08:26
    Permalink

    Me permite ai a colega acima, quando fizer o destaque da Lei, coloque na integra, assim podemos discutir, então, se a Lei é para ser cumprida, veja que os vendedores de picolé, também estão fora do padrão, e te pergunto: PORQUE NÃO TIRAM ELES TAMBÉM?

    Art. 7º Fica vedada a atividade do Comércio Ambulante nos seguintes locais:

    I – ponto de parada de coletivos urbanos, agências bancárias ou em áreas próximas, não inferiores a 03 (três) metros de distância do limite do prédio; (VENDEDOR DE PICOLÉ FICA NOS PONTOS DE ÔNIBUS)

    II – nas proximidades de hospitais e congêneres, a uma distância mínima de 100 (cem) metros, mesmo para as pessoas descritas no § 1º deste artigo; (NA UPA, TEM INCLUSIVE VENDEDOR DE QUITANDAS, NA ENTRADA DA RAMPA)

    III – nas portas de estabelecimentos de ensino, observando-se uma distância mínima de 50 (cinqüenta) metros.

    CONCLUSÃO – usar o bom senso é o mais aceitável, entendo que o comércio aqui mencionado, esta mais voltado para aquelas pessoas que levaram uma loja ambulante para as ruas, ou seja, os camelôs clandestinos que estavam tomando conta das avenidas centrais, que felizmente foram tirados.

    Resposta
  • 28 de novembro de 2017 em 07:37
    Permalink

    Com certeza pra tar defendendo

    Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 23:29
    Permalink

    Divinoia ainda bem q sai desse lugar…

    Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 23:15
    Permalink

    A prefeitura de Divinópolis e ineficiente e corrupta! E não é so o Galileu que devemos criticar, mas também os diversos funcionários que la “trabalham” e so o que pretendem e complicar a vida da população que necessita dos serviços deles. São negligentes e debochados, por isso sou a favor da terceirização do setor público que ao menos teremos atendimento digno e justo, pois eles terão que apresentar resultados. A Vigilância Sanitária de Divinópolis prejudica só os empreendedores mais pobres, tendo em vista que ha diversas irregularidades em grandes empresas da região e nenhum deles intervém. E UM PESO E DUAS MEDIDAS LITERALMENTE, A LEI PARA OS MAIS FAVORECIDOS NÃO É A MESMA PRA QUEM NÃO TEM PROPINA.

    Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 22:58
    Permalink

    Esse pessoal da postura não tem outra coisa para se fazer não.

    Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 16:32
    Permalink

    Diga ao pessoal da secretaria de posturas para tampar os buracos do calcadão da praça do santuário. Quem anda ao redor da praça não è incomodado pelos pipoqueiros não. Mas pelos mendingos, jovens fumando maconha a vontade e cachorros….

    Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 14:56
    Permalink

    Cidade abandonada. Cheia de mendigos dormindo e alcoolizados perambulando pelas ruas.

    Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 14:47
    Permalink

    Isso é Divinópolis e sua mente pobre e arrogante. Quero ir embora daqui, tomar um banho de qualidade de vida

    Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 13:23
    Permalink

    Vc nos decpcionou Prefeito Galileu ; se o Senhor precisasse vender pipoca p sustentar sua familia como esse cidadao de bem esta fazendo seria diferente ; que decpçao ; pensava-mos que esta gestao seria tao diferente ; mas está igual as outras; as Ruas continuam cheias de buracos e mal cuidadas ; a Cidade está suja mal cuidada ; Nao tem mais Industrias na Cidade como tinha antigamente e nem aparece empresas novas porque a Cidade nao da nem um tipo de incentivo ; estamos em uma Cidade abandonada

    Resposta
    • 27 de novembro de 2017 em 22:13
      Permalink

      Ele e fausto baros.ja foram prefeito 3 vez e nunca fizeram nada. As pontes quem fez foi a Gerdal.

      Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 10:51
    Permalink

    A voz de Deus é a voz do povo vota galileu de novo..

    Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 10:49
    Permalink

    Que vergonha eu cresci comprando pipocas do Tião galinha e sempre levava meus filhos qdo crianca ,hoje levo meus netos pq acho muito digno e serve de exemplo para os mais jovens , infelizmente nosso prefeito está acabando com um exemplo de honestidade e de bom caráter,muito triste com esta notícia.

    Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 09:51
    Permalink

    Ele está corrompido pelo poder,perdeu o sentindo de administração..perdeo as amizades e pessoas que batalharan a anos junto dele…o mesmo virou a cara pra tudo e pra todos…..triste acreditar em um poder que não vai acontecer…

    Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 09:35
    Permalink

    SIMPLESMENTE UMA VERGONHA. DEIXA O TRABALHADOR TRABALHAR E VAI ATRÁS DAS EMPRESAS GRANDES QUE DEVEM ABSURDOS A PREFEITURA.

    Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 08:57
    Permalink

    Uma profissão tão nobre e antiga e que fez e faz a alegria de muitas pessoas ,cantada em versos como na musica “A praça” .É um crime contra o patrimônio, uma vergonha nacional, uma tremenda injustiça a esse senhor .

    Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 08:55
    Permalink

    Uma profissão tão nobre e antiga e que fez e faz a alegria de muitas pessoas ,cantada em versos como na musica “A praça” .É um crime contra o patrimônio, uma vergonha nacional, uma tremenda injustiça a esse senhor .

    Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 08:27
    Permalink

    Essa cidade nunca teve político que se preocupasse com obras, com saúde, educação e segurança. Só se preocupam com coisas pífias como acabar com festa da cerveja, chamar banda de rock que insultam políticos para dat esclarecimentos sobre musicas que insultam políticos e is toureiros (camelos de frutas, meias, etc) que estarão na primeiro de junho e Goiás nos passeios? Vão fazer algo?

    Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 08:13
    Permalink

    Enquanto isso a cambada de vagabunda da secretaria de desenvolvimento social e meio ambiente já estavam tudo atoa

    Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 07:13
    Permalink

    O povo foi votar nessa gestão incompetente ,agora tá aí o resultado…A cidade mais uma vez está a mercê e eles estão se preocupando com os coitados q estão buscando seu salário honestamente…

    Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 05:22
    Permalink

    . ESCLARECIMENTOS JURÍDICO

    Quero pedir licença a todos mas neste caso o Galileu está somente cumprindo o que determina a LEI Nº 5610, DE 22 DE MAIO DE 2003, que DISPÕE SOBRE A REGULAMENTAÇÃO DO COMÉRCIO AMBULANTE OU CAMELÔ E ATIVIDADES AFINS, NO MUNICÍPIO DE DIVINÓPOLIS. No seu artigo. 7° Fica vedada a atividade do Comércio Ambulante nos seguintes locais:

    III – nas portas de estabelecimentos de ensino, observando-se uma distância mínima de 50 (cinqüenta) metros.

    Como podem ver no inciso III do artigo supra citado é vedado o comércio na praça do santuário distância mínima de 50m. (EE PADRE MATIAS LOBATO) As outras administrações foram populistas, omissas e deixaram este senhor e os demais na praça do santuário de forma ilegal e irregular. O Galileu simplesmente cumprindo a lei e isto não gera direito ao ambulante irregular e nem obrigações ao executivo municipal. O secretário da secretaria de planejamento urbano e meio ambiente, responsável pelas autorizações e alvarás nesta área, Clever Greco (Bezito) está liberando as atividades dos comerciantes de comida nas ruas baseando na nossa lei 77/2017 do FOOD TRUCK pra resguardar e dar oportunidades pra essas pessoas continuarem trabalhando e ganhando seu pão de cada dia. Ele está mto sensível esta situação tanto é que vem atendendo os diversos pedidos dos vereadores neste sentido baseando nos nortes da nova lei até que ela passa a ter plena vigência e seja regulamentada por portaria do executivo pra ajudar a população. Ela terá que ser sancionada ou promulgada pela câmara e depois feita a regulamentação dos critérios pra se ter a autorização especial pra o comércio de comida nas vias públicas dentro dos parâmetros legais. Então antes de sairmos por aí jogando pedra, criticando, devemos dar oportunidade pra a outra parte ter o direito de resposta e mostrar o motivo da ação e como está resolvendo a situação dentro da LEGALIDADE. Sou do justo e do certo. Quem me conhece sabe disto. Da Cesar o que de Cesar e o que de Deus a Deus. O Galileu neste caso esta cumprindo uma lei antes negligenciada e que agora está colocando a cidade dentro de padrões que seja bom e legal pra evitar abusos e excessos. Somos uma sociedade civilizada e temos que observar as leis, pois se existem não são pra serem discutidas e sim obedecidas. Ainda mais que hj já existe outra legislação mais moderna que ampara eles e ajuda a cidade.

    Resposta
    • 27 de novembro de 2017 em 12:38
      Permalink

      Falou a puxa saco do Galileu. Com certeza ela foi contemplada com uma vaga na prefeitura qdo o Galileu foi.

      Resposta
      • 28 de novembro de 2017 em 07:35
        Permalink

        Com certeza pra tarde defendendo

        Resposta
    • 28 de novembro de 2017 em 07:30
      Permalink

      Kkkkk está deve de ter um cargo de confiança e ganhar muito bem pra defender politico

      Resposta
    • 28 de novembro de 2017 em 07:33
      Permalink

      Está deve ter um cargo de confiança e ganhar muito bem pra ser cumprisse

      Resposta
  • 27 de novembro de 2017 em 01:29
    Permalink

    Pouca vergonha com cidadãos de bem de nossa cidade.
    Como pode uma coisa dessas?
    Eles falam que não paga se impostos ao se trabalhar na rua.
    Eu convido a todos dessa péssima gestão de divinópolis a pegarem um cupom fiscal de um supermercado e observarem que se paga imposto de tudo que se compra para se trabalhar. Então não venha dizer : ‘ele não paga impostos’,pois o que mais se faz aqui é pagar altíssimos impostos.
    Vergonha viu….
    Aí você chega na câmara municipal da cidade cheio de cabuquim fazendo nada da vida e mamando nas custas do povo…. Vários ASSESSORES mexendo em zap zap, olhando o movimento sem nada pra fazer…. Sem contar com os nossos amigos VEREADORES que ganham altos salários para não fazerem nada.
    E de fosse eles os ambulantes, o que achariam de ficar impedidos de trabalhar sem nenhum recurso para viver dignamente?
    Droga de gestão de Divinopolis

    Resposta
  • 26 de novembro de 2017 em 23:38
    Permalink

    Tanta coisa pra prefeitura se preocupar, vai mexer com gente de bem! Gente que não incomoda nonguém, que está lutando, suando para ganhar o pão.

    Resposta
  • 26 de novembro de 2017 em 23:35
    Permalink

    Um absurdo! Galileu ficou gagá de vez!

    Resposta
  • 26 de novembro de 2017 em 23:03
    Permalink

    simples, só o Galileu pagar o salário pra que ele possa sobreviver e assim fica com as ruas da cidade, que vergonha Galileu, vc não precisa disso, a rua é publica…

    Resposta
  • 26 de novembro de 2017 em 22:44
    Permalink

    Parabens ao idiotas que elegeram esse retardado. Você que votou nesse senhor, você está impedindo pessoas como o Tião de trabalharem honestamente junto com o Sr Prefeito.

    Resposta
  • 26 de novembro de 2017 em 22:25
    Permalink

    Se não me engano essa profissão (Vendedor de Pipocas ) em Bh eh patrimônio da cidade.
    Agora aqui estão sendo injustiçados.

    Resposta
  • 26 de novembro de 2017 em 21:16
    Permalink

    Tenha misericórdia. Deixa o senhor trabalhar. Ele precisa. #Galileu sempre votei no senhor pq achava q o senhor olhava pelos pobres .me enganei ou o senhor mudou seu modo de governar?

    Resposta
  • 26 de novembro de 2017 em 20:29
    Permalink

    infelismente galileu caminha a passos largos para decepcionar uma cidade inteira os seus amigos ele ja conseguiu

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.