RECORDE FÚNEBRE: Brasil supera 100 mil mortes pela Covid-19; “Vamos tocar a vida…”, diz Bolsonaro


O Brasil superou neste sábado (08), com o registro de 538 novas mortes o recorde mórbido de 100.240 mil óbitos em consequência da doença covid-19, isso em menos de cinco meses de ter registrado o primeiro óbito causado pelo novo coronavírus. Enquanto o número de casos registrados está próximo dos 3 milhões com 21.732 notificações e um total de 2.988.796 casos confirmados, número este que pode ser bem maior devido as subnotificações (casos em que as autoridades sanitárias não são comunicadas) – Com esse número o país tem aproximadamente 6.5% dos casos no mundo, e 7,2% dos mortos pela covid-19 no mundo, e com apenas 2,7% da população mundial – Enquanto isso o presidente Bolsonaro afirmou na última live feita por ele: “Vamos tocar a vida e buscar uma maneira de se safar deste problema”, quando comentou os números de mortos ainda na quinta-feira (06)

2 comentários em “RECORDE FÚNEBRE: Brasil supera 100 mil mortes pela Covid-19; “Vamos tocar a vida…”, diz Bolsonaro

  • 9 de agosto de 2020 em 09:59
    Permalink

    Como sempre, tentando imputar ao presidente a culpa e a responsabilidade pelas mortes.
    É a velha e ultrapassada maneira dos esquerdopatas de se vingar por ter o presidente acabado com as boquinhas e organização criminosa dos Ptralhas.

    Resposta
    • 12 de agosto de 2020 em 09:23
      Permalink

      Sr Wander está corretíssimo, quem legislou os atos da vigilância foi o prefeito Galileu que faz apenas o que o clã Machado determina (parentes próximos): sobrecarrega o contágio nos ônibus, não determina controle das filas nas portas dos bancos e acusam servidores que trabalham de verdade….

      Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  −  1  =  1

PODCAST: escuta essa!!