Morre Gustavo Bebiano ex-ministro de Bolsonaro; deixa carta para ser aberta em caso de sua morte


Gustavo Bebianno, ex-secretário geral da Presidência e pré-candidato a prefeito do Rio, morreu esta manhã após um infarto fulminante, aos 56 anos. Por volta de 4h30 ele comunicou ao filho que estava passando mal e se dirigiu ao banheiro para ingerir um remédio. Minutos depois, sofreu uma queda e teve ferimentos na cabeça. Bebianno estava em seu sítio em Teresópolis junto com um caseiro e seu filho.Ele foi levado para uma unidade hospitalar da cidade, mas não resistiu.

Primeiro ministro demitido

Bebianno foi o primeiro ministro a deixar o governo do presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido-RJ), em fevereiro de 2019.  Sua demissão foi confirmada em meio a uma crise no governo que se originou com a suspeita de que o PSL, partido ao qual Bolsonaro e Bebianno eram filiados, teriam usado candidatura “laranja” nas eleições de 2018.

O jornal “Folha de S.Paulo” informou na época que, quando Bebianno presidia o PSL, o partido, repassou R$ 400 mil a uma candidata a deputada federal de Pernambuco. Segundo o jornal, o repasse foi feito quatro dias antes das eleições, e ela recebeu 274 votos.

Bebianno negou as irregularidades, afirmando que não foi o responsável por escolher as candidatas que receberam dinheiro do partido. Isso porque, segundo ele, a decisão coube aos diretórios locais.

Após a reportagem da “Folha”, Bebianno negou em entrevista ao jornal “O Globo” que fosse o pivô de uma crise dentro do governo e acrescentou que, somente naquele dia, havia falado com o presidente por três vezes. Na ocasião, Bolsonaro ainda estava internado em razão de uma cirurgia.

Após a publicação da entrevista, o vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ) usou uma rede social para dizer que Bebianno mentiu ao dizer que havia falado com o presidente.

Carlos, e depois o próprio Bolsonaro, chegaram a divulgar um áudio no qual, segundo eles, o presidente diz a Bebianno que não podia falar com o então ministro.

Coordenador de campanha

Bebianno era considerado um dos homens de confiança de Bolsonaro. Ele foi um dos coordenadores da campanha eleitoral do presidente, costurou o acordo que levou Bolsonaro ao PSL e presidiu a legenda durante a corrida eleitoral de 2018.

Após a eleição, Bebianno deixou o posto e foi escolhido para assumir a Secretaria-Geral da Presidência, um dos ministérios com gabinete no Palácio do Planalto.

Carta 

O ex-ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gustavo Bebianno, no embate que teve com a familia Bolsonaro estava com medo do que pudesse acontecer com ele após escândalo que revelou envolvendo o presidente Jair Bolsonaro, o vereador Carlos Bolsonaro e o PSL.

O fato foi reportado pela coluna Radar, da Revista Veja que  por conta das ameaças que estava recebendo, o político escreveu cartas a duas pessoas próximas, contendo informações como o nome de quem estaria interessado em lhe fazer mal.

“Se algo acontecer comigo, abram”, disse o ex-ministro, segundo a publicação.

3 comentários em “Morre Gustavo Bebiano ex-ministro de Bolsonaro; deixa carta para ser aberta em caso de sua morte

  • 14 de março de 2020 em 18:28
    Permalink

    Geraldo e suas teses, kkkkkkk

    Resposta
  • 14 de março de 2020 em 13:16
    Permalink

    Que canalhice e irreponsabilidade essa reportagem. Vergonhoso! Espero que quem fez afirmações levianas, responda na forma da lei em todo o seu rigor. Espero que a #PolíciaFederal esteja atenta. O #PresidenteBolsonaro e sua família têm sido covardemente atacados por esses abutres, inimigos do Brasil . Por causa de jornalistas assim é que a a imprensa perdeu a credibilidade. Lamentável! Independente do caráter do falecido, considero um desrespeito para com ele e sua família em sua dor. Aliás, essa morte é muito conveniente exatamente nesta data, para os opositores do Presidente.

    Resposta
    • 10 de maio de 2020 em 16:33
      Permalink

      Que bom que existem pessoas como você Elizabeth, Deus te abençoe.

      Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PODCAST: escuta essa!!