PSDB – Mulher Nacional repudia ataques criminosos contra jornalista Patrícia Campos Mello


Em uma audiência pública, sob o compromisso de dizer a verdade (tendo o direito de permanecer calado), o ex-funcionário de uma empresa de disparos de mensagens em massa por WhatsApp, Hans River do Rio Nascimento mentiu de forma deliberada, com isso cometeu um crime. Ele acusou a repórter da Folha de São Paulo de ter oferecido sexo em troca de informações – A testemunha foi, de imediato, desmascarada por áudios, mensagens e documentos apresentados por Patrícia, profissional seríssima, além de internacionalmente premiada. Mas o estrago já estava feito, por conta dos tribunais de inquisição instalados nos esgotos da internet.

Veja Nota do PSDB-MULHER

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

66  −    =  65

PODCAST: escuta essa!!