Câmara de Vereadores de Divinópolis assina Moção de Repúdio contra filme “Especial de Natal Portas dos Fundos: A primeira tentação de Cristo”


O vereador Marcos Vinicius (PROS), da Câmara de Vereadores de Divinópolis/MG, no exercício da Presidência da Casa Legislativa, ao concordar com o pronunciamento de outro vereador, foi além, solicitando que todos os edis assinassem uma Moção de Repúdio ao filme que está sendo exibido na Netflix, e que despertou a ira de setores religiosos, tanto católicos quanto evangélicos, que pedem que a produção seja censurada, por entenderem se tratar de uma sátira com um Jesus Gay

Em uma das cenas, Jesus, que é representado por Gregório Duvivier, está prestes a completar 30 anos, e é surpreendido com uma festa de aniversário, quando voltava do deserto acompanhado do namorado, representado por Fábio Porchat

O vereador evangélico fez uma citação de São Tiago, ao dizer que “aquele que pode fazer o bem e não o faz, nisso está pecando”. E seguiu dizendo que a “Moção de Repúdio pode ser uma gosta de água no oceano, mas quando o simbolismo desse nosso ato, vem acompanhado de outras manifestações de outras casas legislativas do Brasil, esse movimento vai ser agregado também por entidades civis, do terceiro setor, da iniciativa privada e um grande movimento vai se estabelecer e vai trazer o fortalecimento dessa causa que nós podemos liderar a partir de hoje. Então estou sugerindo que pudéssemos fazer uma Moção de Repúdio, e que seja institucional”

A seguir o vereador colocou a Moção em votação, sendo aprovada por unanimidade dos presentes no plenário, naquele momento.

Este é um trailer do filme que está gerando polêmica e revolta no meio cristão.

 

EM CONSEQUÊNCIA DO PERÍODO ELEITORAL OS COMENTÁRIOS ESTÃO SUSPENSOS

PODCAST: escuta essa!!