Em Nota, DIVIPREV rebate notícia de gastos de R$ 28 mil com lanches em reuniões; Apresenta resultados de ganhos de R$ 21 milhões


A notícia foi publicada no site do SINTRAM (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Divinópolis), além de ter sido enviada por WhatsApp para o editor do Divinews. Informando que os conselheiros do Instituto de Previdência dos servidores (DIVIPREV) estava licitando o valor de R$ 27.975,00 para ser usado durante as reuniões. Logo a seguir, foi enviado uma Nota de Esclarecimento, retificando a matéria veiculada pelo sindicato sobre a contratação de “coffee break”, que deixam muitas dúvidas na reportagem. A Nota é concluída com a comemoração dos resultados do último trimestre, informado que o Instituo obteve um ganho de R$ 21,5 milhões.

Diz a Nota de Esclarecimento

É preciso destacar que se trata de uma ata de registro de preço, uma contratação de bens e serviços, por meio de licitação na modalidade de concorrência ou pregão, em que as empresas assumem o compromisso de fornecimento a preços e prazos registrados previamente. Tal modalidade desburocratiza o processo de compras e evita o fracionamento, além de garantir mais transparência à aquisição.

E mais: os valores lançados, individual ou total, são uma referência no caso de se efetivar qualquer compra. Ou seja, não significa que será gasto o valor total licitado e nem que todos aqueles produtos serão adquiridos. Na verdade, no caso específico citado, existe um cardápio do qual o Instituto poderá solicitar apenas o que julgar necessário e pagar por isso de acordo com o valor unitário estabelecido na ata de registro. A cada compra é dada baixa no valor total disponível.

Feito esse registro, é imprescindível esclarecer ainda que a os alimentos são destinados, exclusivamente, aos eventos promovidos pelo Instituto, seja na formação ou aprimoramento de seus servidores ou representantes do próprio funcionalismo, e do próprio Sintram. Tal esclarecimento se faz necessário uma vez que alguém mais desavisado, ou mesmo com propósitos escusos, poderá tentar induzir o servidor a pensar, erroneamente, que tal contratação se destina ao consumo diário dos servidores do Instituto.

Ressalta-se ainda a necessidade didática do relato acima, diante da preocupação da nossa gestão em evitar que o Diviprev possa ter alguma mácula em sua imagem devido a falta de esclarecimentos ou interesses distorcidos. Desta forma, o Instituto mais uma vez se mostra aberto a toda sociedade, em especial o servidor público municipal, no sentido de esclarecer qualquer dúvida sobre nossa gestão, pautada sempre pela transparência e pela busca do que é melhor para os nossos beneficiários.

Aproveitamos ainda para apresentar aos servidores a informação de que o Diviprev comemora os resultados do último trimestre, quando tivemos um ganho de R$ 21.572.924,32, referentes à rentabilidade líquida proveniente dos fundos de investimentos. Tal número comprova a busca constante e o comprometimento com a solidez do Instituto, patrimônio dos servidores.

 

 

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

6  +  1  =