Policia Federal investiga campanhas eleitorais após “Operação Sufrágio Ostentação”


Na manhã desta segunda-feira (29), a Polícia Federal deflagrou a Operação “Sufrágio Ostentação”, para esclarecer suspeita de irregularidade na aplicação de recursos referentes a campanhas eleitorais femininas do PSL em Minas Gerais – Foram cumpridos sete mandados judiciais de busca e apreensão, todos expedidos pela 26ª Zona Eleitoral de Belo Horizonte; sendo dois na Capital, dois em Contagem/MG, um em Coronel Fabriciano/MG, um em Ipatinga/MG e um em Lagoa Santa/MG – Houve a apreensão de documentos relativos a produção de material gráfico de campanhas eleitorais.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PODCAST: escuta essa!!