Mídia: oposição hoje, situação ontem


Diversos veículos de comunicação que ora se posicionam hipocritamente como imparciais, mas com viés quase explicito contrários à admiração do Prefeito Galileu Machado. No passado, por 8 anos consecutivos foram super, hiper aliados do ex-prefeito Vladimir Azevedo, um deles, no primeiro mandato, sequer existia ainda, mesmo assim, em outro veículo fechava os olhos para todas os erros da administração do então ex-prefeito. A tão propalada imparcialidade da mídia, de fato, só existe na cabeça de estudantes e bem recém formados, por que na verdade, ele é só fruto do mundo acadêmico jornalístico, e sinto informar, que ela não existe no mundo real. Ou melhor, existe sim, de forma subliminar que manipula o leitor a ter a impressão de ler uma matéria imparcial.   

Durante todo os dois mandatos, no primeiro, de 2009 a 2012 e depois no segundo de 2013 a 2016, não existiam críticas, quando existia, o contraditório ocorria antes do fato em si. Muitos não foram ferrenhos quando o ex-prefeito decidiu vender 242 imóveis do município; nada falaram sobre seus sucessivos parcelamentos com a Diviprev; quase nada com os problemas da UPA, e principalmente com a estranha licitação em que ela foi entregue para a Santa Casa de Formiga; Com a gestão da saúde, que era comandada por Geraldo Couto, herói em Divinópolis e preso em Formiga; Falava-se pouco, mas de forma bem institucionalizada sobre os aguapés que assolaram o Rio Itapecerica por mais de um ano; nada, ou quase nada a mídia noticiava sobre o Buracão da Paraná, que por pouco fez aniversário de 2 anos; Os buracos na cidade em oito temporadas de chuvas, foi ignorada pela mídia amiga, apenas o Divinews era mais enfático; A recompra do imóvel da Faced que atualmente é a sede da Prefeitura com seus corredores intermináveis, e uma arquitetura improvisada para ser sede do governo, não terminada e com várias falhas aparentes, nada foi falado

Na administração do Demetrius, os vereadores deram autorização para que o tratamento de esgoto passasse para a Copasa. O presidente da Câmara naquela época passou igual um trator por cima da vontade popular. Um ou outro, agora estão na Câmara como oposição, mas foram governo de desgovernos por longo tempo. Agora posam de paladino da justiça, em favor do povo. Mas esquecem-se do passado. Mas a internet não. É só pesquisar, normalmente em época de eleições tudo vem a tona novamente.

Mídia sempre teve lado, até mesmo no país que é considerado o mais democrático do mundo, os Estados Unidos, não existe imparcialidade. Eles se posicionam abertamente,democrata ou republicano.

Um comentário em “Mídia: oposição hoje, situação ontem

  • 27 de dezembro de 2018 em 08:36
    Permalink

    pelo amor de DEUS tira a foto desse destruidor de divinopolis

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

1  +  3  =