Após cobrança do Sintram, Prefeitura de Carmo do Cajuru promete apresentar proposta de atualização do PCCS no próximo mês


A diretoria do Sindicato dos Trabalhadores Municipais de Divinópolis e da Região Centro Oeste (Sintram) e a comissão de servidores se reuniram nessa quarta-feira, 11, com a secretária de administração da Prefeitura de Carmo do Cajuru, Kenya Nogueira para solicitar o projeto de lei que dispõe sobre a atualização do Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos (PCCS) dos servidores municipais. A última reestruturação do PCCS foi feita em 2012, por meio da Lei Complementar Nº 054/2012.

O Sintram foi representando pelo vice-presidente, Wellington Silva, o diretor financeiro, Vantuil Alves e pela presidente do Conselho Fiscal, Lucilândia Monteiro. No dia 25 de março, a diretora de formação fiscal, Geise Silva, e a presidente do Conselho Fiscal do Sindicato, se reuniram com o prefeito da cidade, Edson Vilela, e a secretária de administração, para apresentar as reivindicações feitas pela categoria na Assembleia Geral realizada no dia 7 de março.

Na época, a classe mostrou a necessidade de atualizar a porcentagem por escolaridade, que é a passagem do servidor ocupante de cargo efetivo de um grau para outro imediatamente superior, a partir da formação escolar mínima exigida para ingresso no serviço público, e também a tabela de progressão horizontal. Durante a reunião realizada entre a diretoria do Sintram, o prefeito de Carmo do Cajuru e a secretária de administração, os representantes do Executivo Municipal se comprometeram a efetuar as mudanças necessárias no PCCS e a fazer um levantamento do impacto financeiro que a atualização trará, e em uma nova reunião seria apresentado o esboço do projeto de lei.

Apresentação 

Quase dois meses após o último encontro, o Município ainda não apresentou a proposta, e na reunião realizada nessa quarta-feira, a diretoria do Sindicato cobrou mais uma vez a elaboração do projeto. De acordo com Lucilândia, a secretária de administração informou que o atraso da apresentação da proposta se deve à convocação dos aprovados no concurso público, e garantiu que o projeto de lei será apresentando ao Sintram no próximo mês.

“A secretária alegou que com a convocação dos aprovados no concurso público o Município não teve tempo hábil para elaborar a proposta de atualização do PCCS. Mas, ela nos garantiu que no próximo mês o Executivo vai apresentar o projeto de lei ao Sindicato e à comissão eleita na Assembleia. A secretária se comprometeu ainda a enviar um ofício ao Sintram apresentando as justificativas sobre o atraso da apresentação da proposta”, detalha Lucilândia.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  +  45  =  51