Média da taxa de ocupação dos leitos covid-19 nos hospitais públicos e privados de Divinópolis sobe mais 2%


Boletim epidemiológico 21-08-2021

Casos Notificados: 91.786 (41.379 em homens e 50.407 em mulheres)

Casos Confirmados: 19.156 (8.911 em homens e 10.245 em mulheres)

Casos Descartados: 2.835

Casos de Recuperação: 16.910

Óbitos: 586 (314 em homens e 272 em mulheres)

Óbitos em Investigação: 4

Dados Hospitalares:

Total de pacientes internados em CTI, suspeitos de Covid-19: 47 (sendo 32 residentes em Divinópolis e 15 residentes em outros municípios)

Total de pacientes internados em enfermaria, suspeitos de Covid-19: 55

Ocupação dos Leitos de Enfermaria: 37,2%

Ocupação dos Leitos de UTI: 48%

Taxa de Isolamento Social: Não disponível

Taxa de Letalidade: 3,06%

Ritmo de Contágio: 0,76

Taxa de ocupação dos leitos covid-19

Os dados referentes às hospitalizações de pacientes com sintomas de Covid-19 em Divinópolis a seguir. A atual taxa de ocupação de UTI é de 47,96% e no setor de enfermaria a taxa é de 37,16%, considerando saúde pública e suplementar.

A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Padre Roberto está com 36,67% dos leitos ocupados, com 11 dos 30 leitos ocupados. Na enfermaria, a ocupação é de 40,63%, com 13 dos 32 leitos.

A área atendida pelo SUS no Complexo de Saúde São João de Deus conta com 12 leitos ocupados entre os 20 totais, representando 60%. Na enfermaria, 36,67% dos leitos estão ocupados, isto é, 11 dos 30.

Na saúde suplementar, o Hospital São Judas Tadeu opera com 100% de sua capacidade, com seis leitos ocupados. O Hospital Santa Mônica conta com um leito vago entre os cinco existentes, com 80%.

A área suplementar do Complexo São João de Deus conta com 31,25% de hospitalizados no CTI Adulto, com cinco leitos ocupados entre os 16 totais. O Hospital Santa Lúcia opera com 50% de ocupação no CTI Adulto, com cinco leitos ocupados entre os 10 totais.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

6  +  1  =  

PODCAST: escuta essa!!