Bispo da Diocese de Divinópolis, afasta padre acusado de comportamento impróprio e escandaloso


O Bispo Diocesano, Dom José Carlos, da Mitra Diocesana de Divinópolis,  depois de ouvir o Colégio de Consultores,  através de um decreto administrativo, afastou nesta quinta-feira (19), o Padre Cléver Geraldo de Souza por ter sido acusado publicamente de comportamento moral impróprio e escandaloso a um clérigo, na cidade de Pitangui, que pertence a Diocese de Divinópolis – No decreto 149-035/2019 foi definido a perda do Uso de Ordens ao acusado, além de lhe impor os seguintes limites: celebrar a Eucaristia, inclusive no privado; de exercer quaisquer outros atos ministeriais, tais como batizar, ouvir confissões e ungir os enfermos, exceto em perigo de morte; e residir no seu próprio apartamento –  O Decreto da Mitra Diocesana esclarece que as sanções se afiguram como penas medicinais, na expectativa de que a verdade venha a tona e o Padre possa ser readmitido ao exercício do ministério, podendo estas penas ser retiradas, assim que as acusações forem devidamente apuradas.

 

EM ANDAMENTO….

 

5 comentários em “Bispo da Diocese de Divinópolis, afasta padre acusado de comportamento impróprio e escandaloso

  • 23 de setembro de 2019 em 17:28
    Permalink

    ESTE AI NÃO É O TAL QUE ADORMECEU NO MOTEL PERTO DO PARQUE DE EXPOSIÇÕES DE DIVINOPOLIS DEPOIS DE UM ENCONTRO AMOROSO E LHE ROUBARAM O CARRO E FOI EXPULSO DA CIDADE DE SÃO SEBASTIÃO DO OESTE , AGORA NOVAMENTE ENVOLVIDO EM OUTRO ESCÂNDALO ENVOLVENDO HOMEM CASADO NA CIDADE DE PITANGUI ,, ! PENSO QUE A EXPULSÃO DEVERIA SER IMEDIATA SE HOUVER SERIEDADE NA IGREJA . PADRE PEDE PRA SAIR E VAI VIVER SUA VIDA SEM CAUSAR TANTOS TRANSTORNOS …

    Resposta
  • 22 de setembro de 2019 em 11:27
    Permalink

    ser religioso nao da ddireeito de abuser sexualmente e ser impune. Ele e criminoso como os outros e deve ser punido pela lei, alem do abbuso do poder investido religiosamente. APURE A REALIDADE CADEIA

    Resposta
  • 20 de setembro de 2019 em 13:55
    Permalink

    Sou da igreja católica, e mim pergunto até quando!
    Eu nao queria a minha igreja usada de subterfúgios de pessoas que não tenham direito se apure os fatos e que se tiver q cortar corte na carne.E quem tem o poder de fazer cumprir o faça,e o faça a coisa certa, sem medo.
    A escolha é sua a faça o certo é estaremos com vc!

    Resposta
  • 20 de setembro de 2019 em 13:32
    Permalink

    Sacanagem…como se todo Padre em vez de humano fosse santo…aqui na Diocese temos Padres que até filhos tem… então é fingir o que não é….

    Resposta
  • 20 de setembro de 2019 em 11:03
    Permalink

    Quer dizer que se ele nao fosse casado, ele ia pegar o padre?!?! Também há um tempo esse mesmo padre foi encontrado ferido num, ele disse que foi sequestrado, humm sei.

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

7  +  3  =