MINAS: Em pesquisa estimulada Aécio Neves lidera corrida para o Senado


O deputado federal Aécio Neves, do PSDB, lidera a corrida rumo ao Senado Federal em Minas Gerais. Ele tem 18,5% das intenções de voto para o cargo, segundo pesquisa do Instituto F5 Atualiza Dados, divulgada pelo Estado de Minas e TV Alterosa nesta última sexta-feira (17). O segundo colocado é o deputado Cleitinho Azevedo (PSC), que soma 12,8%. Os índices se referem à pesquisa estimulada, na qual os cidadãos têm de opinar a partir de uma lista de possíveis candidatos.

Há, no entanto, grande fatia de votos em aberto. Isso porque o levantamento registrou 23,6% de indecisos, 13,5% de potenciais manifestações nulas ou em branco, além de 13,3% de participantes que optaram por não responder. As três categorias, somadas, correspondem a 50,4% dos entrevistados.

O terceiro colocado é o deputado federal Marcelo Álvaro Antônio (PL), que conseguiu 5,6% das menções. Em busca da reeleição, o senador Alexandre Silveira, do PSD, aparece com 3,8%

Ele é seguido por Paulo Piau (MDB), ex-prefeito de Uberlândia, no Triângulo, que dispõe de 2,5% das intenções de voto. Atrás, está o deputado federal Marcelo Aro, do PP, com 2,1%. Depois, dono de 1,8% aparece Carlos Melles (PL), presidente do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e ex-parlamentar.
A professora Sara Azevedo, pré-candidata ao Senado pelo Psol, tem 1,6%. Duda Salabert (PDT), vereadora de Belo Horizonte, soma 0,9%
A F5 Atualiza Dados fez 1.560 entrevistas telefônicas em Minas entre os dias 13 e 16 deste mês. A margem de erro dos resultados é de 2,5% – para mais ou para menos.

Segundo o diretor-executivo do instituto, Domilson Coelho, a indecisão de cerca de metade dos participantes do levantamento tem explicação.

“A população observa muito pouco o cargo de senador. Não que ele seja pouco importante, mas na eleição, chama menos a atenção e envolve menos discussão do que governador e presidente”, diz ele, que é graduado em Administração Pública pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) e pós-graduado em Ciência Política.

Indecisos dominam pesquisa espontânea

No levantamento espontâneo, onde os participantes podem citar livremente o nome de um político, Aécio também aparece na frente e foi citado em 5,8% das respostas. Apesar disso, há predomínio de indecisos (36,7%), brancos e nulos (20,1%) e abstenções (18,7%).

Ainda na pesquisa espontânea, Cleitinho soma 4,4%. Depois, aparece o deputado federal Reginaldo Lopes, do PT, com 3,1%. Em que pese o percentual, ele abriu mão da pré-candidatura para viabilizar a união entre PT e Alexandre Kalil, do PSD. Assim, Alexandre Silveira se tornou o nome de Lula ao Senado por Minas.

Citados, também, Álvaro Antônio (3%), Silveira (2,3%), Piau e Marcelo Aro – ambos com 2%. Esse último, embora tenha sido citado entre os hipotéticos concorrentes ao Senado, também é cotado para ser o vice-candidato na chapa do governador Romeu Zema (Novo).

À esquerda, Sara Azevedo e Duda Salabert foram citadas espontaneamente por 1,2% e 0,7% do eleitorado, respectivamente.

Memória popular remete a Aécio

Dos listados na pesquisa, apenas Aécio, Melles e Duda Salabert não se colocaram como pré-candidatos a senador. Para Domilson, a liderança do tucano está relacionada ao papel dele em movimentos importantes, como a busca de parte do PSDB por um pré-candidato próprio ao Palácio do Planalto.

“Aécio não perdeu o recall político que tem. É um nome forte e conhecido não só em Minas, mas nacionalmente. Ele está na mídia e tem articulado nos bastidores – e intensificou sua atuação política e partidária nos últimos 30 dias”, afirma.

No início deste mês, os tucanos acertaram caminhar ao lado da senadora Simone Tebet (MS), presidenciável do MDB. Aécio, porém, defendeu que o partido apresentasse o nome do ex-governador gaúcho Eduardo Leite.

Embora esteja na liderança da corrida ao Senado, ele ainda não bateu o martelo sobre seu futuro político e pode tentar renovar o mandato na Câmara dos Deputados. Na década passada, Aécio atuou oito anos como senador.

Silveira deve crescer com apoio de Lula

Senador da República desde fevereiro, quando substituiu Antonio Anastasia (PSD), agora ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), Alexandre Silveira aparece em quarto lugar na sondagem estimulada.

“Acredito que ele vá crescer (com o apoio de Lula), mas vejo muitas dificuldades”, ponderou Domilson. Na quarta-feira (15), Silveira participou de ato público com Lula e Kalil em Uberlândia, no Triângulo.

Depois de recusar duas sondagens para ser o líder do governo de Jair Bolsonaro (PL) no Senado, ele busca atrelar sua imagem ao ex-presidente petista.

“Não fizemos uma aliança só para elegê-lo e para eleger Kalil. Quero ajudá-lo a governar o Brasil no senado da República”, garantiu ele, em direção a Lula. Neste ano, apenas uma das três vagas de Minas no Senado estará em jogo.

O levantamento está registrado no Tribunal Superior Eleitoral sob os números MG-00062/2022 e BR-02909/2022. O nível de confiabilidade dos dados coletados é de 95%.

13 comentários em “MINAS: Em pesquisa estimulada Aécio Neves lidera corrida para o Senado

  • 21 de junho de 2022 em 05:40
    Permalink

    Não acredito que o aspirador vai se arriscar nessa empreitada vai no garantido na câmara. O verdureiro berrador dançarino na hora do vamo vê não tem cacife pra aguentar

    Resposta
  • 20 de junho de 2022 em 18:42
    Permalink

    Povo sem noção, querer Cleitinho. Nunca mais. Volta pro varejão. Lá você sabe gritar. Olha o pé de alface gente. Olha a couve. Isto que ele sabe fazer

    Resposta
  • 20 de junho de 2022 em 18:26
    Permalink

    com esses nomes, coitado do nosso Senado. Minas fala e o Brasil dá gargalhadas.

    Resposta
  • 20 de junho de 2022 em 09:05
    Permalink

    Sujeito tinha que estar na cadeia, esse eleitorado brasileiro nao tem jeito mesmo. Brincadeira um negocio desse .

    Resposta
  • 20 de junho de 2022 em 09:05
    Permalink

    Nenhum nem outro bando de traia. Cleitim peitim nao mostra a que veio so grita esbraveja chuta placa invade bla bla bla.
    Mas na hora da prova dos nove sobre a secretaria de educacao em seus desmandos sob a egede do irmao rebolador vendendo xuxu, ronronou igual gatinho.
    O minino mimadim aecim ja eh um velho conhecido envolto pelas sombra da corrupçao escancarada.
    Essa eleiçao tem que ter virada pq esses MESMOS que la estao adoecem mais o tao judiado sem perspectiva com a fome rondando o desemprego e esses engordando suas fortunas.

    Resposta
  • 20 de junho de 2022 em 07:21
    Permalink

    Com estes nomes, brancos e nulos serão campeões de votos, assim espero, pois se não temos nomes que representem o povo a altura, votemos branco e nulo em sinal de protesto. Em meu entendimendo é uma manifestação silenciosa sem baternas e que fala muito sobre para os políticos e candidatos atuais.

    Resposta
  • 19 de junho de 2022 em 22:44
    Permalink

    Eu detesto dizer isto, mas prefiro este ladrão, do que o palhaço do Cleitinho

    Resposta
  • 19 de junho de 2022 em 20:54
    Permalink

    Deus nos ajude, e faça com que o Aécio Neves coloque o nome a disposição para o senado. Assim se Deus quiser 🙏🙏🙏 ficaremos livres desse tal Cleitinho.

    Resposta
  • 19 de junho de 2022 em 20:42
    Permalink

    Misiricordia sera que os mineiros enlouqueceram nao acredito que vao virar as costas para o CLEITINHO nao e possivel meu DEUS

    Resposta
  • 19 de junho de 2022 em 20:40
    Permalink

    Não e possível que tem gente vota nisso já esqueceu dele

    Resposta
  • 19 de junho de 2022 em 20:35
    Permalink

    Em um país onde a frente das pesquisas tem um ex presidiário o Aécio é apenas mas um corrupto que vive dos benefícios da política brasileira

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  +  40  =  45