Prefeitura de Divinópolis deixa faltar 25% dos remédios da “farmacinha”, denúncia vereador Ademir Silva (vídeo)


O vereador Ademir Silva (MDB) atribui que é a incompetência dos gestores, principalmente da Secretária Municipal de Saúde, que deixa faltar uma enorme lista de remédios na farmácia pública do município, conhecida comumente como ‘farmacinha’. O vereador levantou a denúncia na última Reunião Ordinária da Câmara, dizendo que aproximadamente 25% dos remédios estão faltando não por falta de dinheiro em caixa, e sim por descaso de quem é responsável pelo abastecimento das prateleiras da farmacinha – “Pelo que vimos na prestação de contas não é por falta de dinheiro, como ocorria no passado, e sim por falta de gestão, por falta de planejamento que pode faltar daqui a um, dois ou até três meses. E neste momento de crise e pandemia, quem está pagando a conta é o povo, infelizmente. A pessoa mais pobre que não tem recursos para comprar o remédio. Aí recorre a farmacinha, mas chega lá e não tem o remédio e tem que voltar para casa sem o remédio e tem que esperar meses para que a secretária volta e ter o remédio”

O vereador criticou também os horários que não são seguidos, segundo a marcação que o próprio setor faz. “Marca um determinado horário, mas atende e quando atende é bem depois”.

Um comentário em “Prefeitura de Divinópolis deixa faltar 25% dos remédios da “farmacinha”, denúncia vereador Ademir Silva (vídeo)

  • 26 de setembro de 2021 em 17:07
    Permalink

    Posto de saude do bairro Morada Nova tambem ta uma vergonha. Moradores ja estão fazendo videos para chamar a imprensa para ver a situação. Ja comunicamos a SEMUSA

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  −  5  =  1

PODCAST: escuta essa!!