Divinópolis: Líder do Governo “se sente traído” em sua própria base eleitoral; pode deixar liderança, e virar oposição


O vereador Edsom Sousa (CDN) que no início do mandato do prefeito Gleidson Azevedo foi escolhido para ser o seu porta-voz na Câmara de Vereadores, segundo fonte tem manifestado para algumas pessoas que está “começando a ficar descontente”, com a inexistente conexão direta do Poder Executivo e do deputado Cleitinho Azevedo, que é irmão do prefeito, com ele.

De acordo com o desabafo do parlamentar para terceiros, outros edis têm exercido a função que em tese seria dele. Como exemplo ele teria citado a “invasão” de seus nichos eleitorais e com incentivo do prefeito Gleidson, por outro vereador – O Divinews ao tentar desembaraçar os fios políticos, se deparou com uma imagem que ainda segundo a fonte seria o pomo do desacerto entre as partes, em que aparece o vereador Israel da Farmácia entre a família Azevedo, e o edil em um texto postado no Instagram afirma que esteve reunido com moradores e líderes dos bairros Esplanada, Antônio Fonseca e Nossa Senhora das Graças, junto com o prefeito Gleidson e o deputado Cleitinho, mais o secretário de Obras, e também o diretor de obras para conversar sobre a construção do calçadão que ele teria solicitado para o entorno do Rio Itapecerica. Isso sem levar em consideração outros dissabores que o vereador líder do Governo tem enfrentado, como se líder não fosse, até projeto de autoria do edil foi vetado pelo prefeito.

A fonte do Divinews afirma ainda que, por conhecer o vereador Edsom Sousa, de outros mantados, o seu modo de atuar politicamente, disse ao site que ele teria lhe confidenciado que se sair da liderança vai para a oposição direta e aberta, “E isso não é bom para eles, pois todos conhecem o Edsom, e pode ocorrer o mesmo que ocorreu com o Galileu, quando ele após ser o líder do Governo e estando filiado ao mesmo partido do chefe do executivo fez vários pedidos de impeachment contra o ex-prefeito. Isso não é bom para o Gleidson, vejo nisso, vários dissabores, e perigo à vista, até mesmo para o deputado Cleitinho”, disse a fonte.

O meio político está meio que sem entender como o vereador Edsom Sousa (CDN) se tornou o líder do Governo, já que ele tem profundas relações com o ex-deputado Jaiminho Martins, e Janete por ter sido preterida no período pré-eleitoral, quando da época de decidir em que partido filiar para tentar a reeleição como vereadora, Jaime com o DEM nas mãos não lhe deu oportunidade de filiação. E se ela não tivesse tido e aceitado o convite para ser vice de Gleidson Azevedo, possivelmente atualmente ela estaria fora da política, daí a mágoa com Jaiminho, que consequentemente resvalada de forma subliminar para o vereador. Pois ela sabe que Edsom é Jaime, e Jaime é Edsom.

Um expert político, que pediu para não ser identificado fez a seguinte observação comparando o que ocorre na relação e funções da Prefeitura com o Legislativo: “É mais ou menos igual ao Governo do Reino Unido. O prefeito é a Rainha da Inglaterra, Elizabeth II, que não manda nada; a Janete é o Primeiro Ministro, Boris Johnson, que de fato manda; o Eduardo Azevedo, é o Líder da Câmara dos Lordes, a Câmara Alta do Parlamento Inglês; e Edsom Sousa e Print Junior, tentam ser o Líder da Câmara dos Comuns, que é a câmara baixa do parlamento inglês”.

O Divinews tentou contato com o vereador Edsom Sousa, porém, não conseguiu.

 

3 comentários em “Divinópolis: Líder do Governo “se sente traído” em sua própria base eleitoral; pode deixar liderança, e virar oposição

  • 3 de maio de 2021 em 17:55
    Permalink

    O Edson sempre se comportou melhor na oposição, isto é dele, quem acompanha um pouco da política local sabe disso, foi ele quem articulou a chapa vencedora Vladimir/Francisco inclusive o Chiquinho e ele eram do mesmo partido, e depois todos sabem o que aconteceu.

    Resposta
  • 3 de maio de 2021 em 06:23
    Permalink

    Dê um zoom na foto e presta atenção como o casal de irmãos parece meio psicóticos, esse olhar deles é de pessoas que realmente tem problemas psíquicos, daí percebe a loucura total deles……

    Resposta
  • 2 de maio de 2021 em 20:57
    Permalink

    Falei que durava pouco tempo.
    Os Azevedos sejam o Vladimir ou o Gleidson que na verdade são parentes não de sangue mas herança política vão meter o pé na bunda do Édson.
    Eles não tem lado .
    O lado deles é somente eles

    Resposta

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PODCAST: escuta essa!!