Mais de mil denúncias de aglomerações e irregularidades são registradas em Divinópolis


Apesar do atual cenário epidemiológico da pandemia global e o aumento de casos positivos e óbitos em Divinópolis, no último final de semana, fiscais da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) interromperam várias festas, reuniões e funcionamento de estabelecimentos

Ao todo, foram 114 denúncias averiguadas pelo órgão, em parceria com a Polícia Militar, sendo 86 bares, 18 igrejas e 10 festas. Desses locais, 11 estavam infringindo as diretrizes municipais e um estabelecimento foi interditado.

Ainda segundo a Semusa, inúmeros bares da cidade não estavam respeitando as diretrizes do decreto municipal (13.821/2020) e realizavam a comercialização de bebidas alcoólicas, além de estarem lotados, ou seja, não havia cumprimento do distanciamento de dois metros por pessoa, imposto em lei.

As denúncias foram feitas através do “AppDivinópolis”, aplicativo criado pela prefeitura. Desde sua implantação, em 20 de abril, o canal de denúncias da plataforma recebeu 1.086 chamadas. Destas, 833 já foram finalizadas Semusa e 252 seguem em análise.

A cada nova denúncia cadastrada no aplicativo, os fiscais de saúde vão, in loco, verificar todas as denúncias, por todas as regiões do município. Os agentes sanitários trabalham em plantões 24h, contemplando também os horários não comerciais e finais de semana, para atender as denúncias que acontecerem nestes períodos.

 

EM CONSEQUÊNCIA DO PERÍODO ELEITORAL OS COMENTÁRIOS ESTÃO SUSPENSOS

PODCAST: escuta essa!!