Nova Serrana suspende contrato de concessão com a Copasa


A partir desta sexta-feira (22), a Copasa deixará de ser a empresa concessionária de água e esgoto de Nova Serrana. A suspensão da concessão aconteceu por recomendação da Comissão Processante, após o prefeito da cidade, Euzebio Lago, abrir um processo administrativo contra a companhia, por descumprimento de cláusulas contratuais por parte da empresa de saneamento.

De acordo com a Prefeitura, a medida foi tomada após diversas tentativas, amigáveis e judiciais, de se fazer cumprir essas cláusulas estabelecidas no contrato assinado entre as partes, em 2010, com validade de 30 anos. Tal contrato previa que a Copasa fornecesse serviço de abastecimento e tratamento de água e esgoto em Nova Serrana de forma eficiente e contínua, atendendo a demanda do município, todavia, a população se queixava de ficar sem águas por vários dias consecutivos.

O prefeito, Euzebio Lago, alega que tenta um acordo com a Copasa desde 2017 e que sua paciência esgotou. “É muito bonito dizer que Nova Serrana é a cidade que mais cresce em minas, mas parece que a Copasa ainda não entendeu isso. Não dá para tolerar, ainda mais no meio de uma pandemia, que hospital, fábricas, unidades de saúde, casas com pessoas enfermas e crianças, empresas e trabalhadores fiquem sem água por mais de quatro dias consecutivos. A Copasa não vai mudar ou resolver essa situação, por isso, decidimos tomar essa atitude drástica, mas que trará dignidade ao povo”, explica Euzebio.

Após publicada a suspensão da concessão da Copasa, o município buscará na Justiça o aval para contratação emergencial e temporária de outra empresa, até que se faça uma licitação para o direito de explorar o serviço de abastecimento e tratamento de água e esgoto de Nova Serrana.

O novo processo também prevê a abertura de um Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI), no qual as empresas interessadas em assumir a concessão em Nova Serrana apresentarão ao Executivo um estudo e um projeto completo, contemplando todas as necessidades e soluções para atender de forma eficiente toda a demanda de abastecimento de água no município, afim de garantir a definitiva solução para a falta de água na cidade.

Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.

PODCAST: escuta essa!!