Banner
DiviNews Notícias

Notícias

LOJAS DESOCUPADAS NOS SHOPPING ! Crise econômica ? Ou gestão equivocada para o setor ?

LOJAS DESOCUPADAS NOS SHOPPING ! Crise econômica ? Ou gestão equivocada para o setor ?O Divinews em levantamento realizado no CENTROS DE COMPRAS DE CONFECÇÃO DE DIVINOPOLIS, que são chamados de shopping, constatou que, no maior e mais antigo deles, o DIVISHOP, encontrou, para a realidade do shopping, o exorbitante número de 10 (DEZ) lojas vazias, que estão desocupadas já há alguns meses, lembrando que o DIVISHOP é o centro de compras que tem a política mais agressiva, tanto na estratégia comercial, quanto de marketing, realizando desfiles de lançamentos de coleções,  outono/inverno e primavera/verão, freta ônibus especiais para lojistas de outras cidades que se comprometam comprar no shopping,  além de pagar, em alguns casos, baseado em volume  de compras, hotel para determinados lojistas - Sobre o DIVISHOP, com suas 166 lojas, no passado chegava a existir fila para ocupar qualquer uma que ficasse vazia,  e os preços do ponto superavam tranquilamente os 100, 200 e até mais que 300 mil.  Mesmo assim, com 10 lojas fechadas no momento, não representa nada,  é um oásis de prosperidade em meio ao verdadeiros caos estabelecido, não só pela crise econômica do pais, mas por gestão e estratégia equivocada de um ex-presidente de um sindicato, que nunca pertenceu ao setor e sim no ramo de produtos de limpeza, mas foi empurrado para dentro do setor -  O recém inaugurado, o pequeno VILLA SHOPPING, com 28 lojas, está literalmente fechado, todas estão vazias – O JK Shopping, que no passado disputava com o DIVISHOP não apenas o movimento comercial, mas as ações de marketing, está às moscas, com 7 lojas vazias no primeiro piso, enquanto no segundo piso a situação se inverte com apenas 3 lojas ocupadas, o resto são lojas vazias.  – O CENTER PLUS, como só tem um andar, e um menor número de lojas, tem apenas 2 (duas) lojas vazias  - A mesma situação caótica do JK SHOPPING e do VILLA SHOPPING, está o OESTE CENTER, com algumas lojas abertas no 2º piso e o restante fechadas, muito embora também no primeiro piso existam algumas lojas também de portas cerradas – Até o PICADILLY, que é um centro de compras com suas lojas votadas todas para a rua, existem duas lojas fechadas – É preciso não esquecer de contabilizar o Divimodas que existia no inicio da Rua Pitangui, já faz alguns anos, ele foi totalmente fechado, pulverizando dezenas de lojas e empregos – Resumindo: estabeleceu-se o verdadeiro caos no setor confeccionista que já chegou a possuir mais de mil industrias e atualmente chega no máximo a  700. Lembrando que o próprio sindicato não tem esse número exato. E de quem é a responsabilidade? Uns responderão que é o momento econômico do país, o mais pontuais e com veia política partidária, dirão que é do PT, do Lula e da Dilma. Mas não é só deles. É  também da política de atuação equivocada no segmento. Fazer gestão de privilégios para alguns confeccionistas, sempre os mesmos, uma panelinha, em detrimento da maioria que vende o almoço para comprar o jantar, e vende a jantar para comprar o almoço. E empregar recursos no lugar errado, como ocorreu com o caso do Portal de Vendas, que o SEBRAE despechou milhares de reais em um projeto que não se consumou, além do MVB Card, que a qualquer momento vai explodir - A política correta, segundo os mais confeccionistas mais experientes do setor e não os amadores, que cairam de paraquedas para fazer carreira sindical, é trazer o consumidor para a cidade, e não apenas levar uma meia duzia de empresas/panelas para participar de glamorosos eventos, que não vendem nada. 

Atualizado ( Qua, 11 de Maio de 2016 13:37 )

Leia mais...
 

CASAL FALCATRUAS: Prefeito e esposa processados pelo MPF por fraude contra município e União

CASAL FALCATRUAS: Prefeito e esposa processados pelo MPF por fraude contra município e União De acordo com informações do site do órgão ministerial, o MPF – Ministério Público Federal ajuizou ação civil pública pedindo a condenação por improbidade administrativa do prefeito de Montes Claros, Ruy Muniz, de sua esposa, a deputada feder...

Atualizado ( Seg, 07 de Março de 2016 19:00 )

Leia mais...

Presidente do Sindicato da Indústria do Vestuário de Divinópolis (SINVESD) é afastado do cargo, mas ele diz que vai provar pertencer ao setor

Presidente do Sindicato da Indústria do Vestuário de Divinópolis (SINVESD) é afastado do cargo, mas ele diz que vai provar pertencer ao setor Segundo informações de associados do sindicato, e posteriormente confirmado oficialmente pela comunicação da entidade, o presidente do SINVESD, Antônio Rodrigues de Araújo Filho, conhecido mais como “Toninho”, que ocupa o cargo há mais de três...

Atualizado ( Seg, 09 de Maio de 2016 19:29 )

Leia mais...

CAMPANHA DA FRATERNIDADE: Dom José Carlos quer saber sobre recursos federais para uso no saneamento básico do município.

 CAMPANHA DA FRATERNIDADE: Dom José Carlos quer saber sobre recursos federais para uso no saneamento básico do município. Ao usar a Tribuna Livre na sessão ordinária desta quinta-feira, na Câmara de Divinópolis, com o objetivo de falar sobre a CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2016, que tem como tema, “CASA COMUM, NOSSA RESPONSABILIDADE, o Bispo Dom José Carlos, exortou não a...

Atualizado ( Seg, 15 de Fevereiro de 2016 22:45 )

Leia mais...

GESTÃO DICTUM, SAMBA DO CRIOULO DOIDO: HSJD em profunda crise à beira da falência (fechar) e gestores criam nova página na internet

GESTÃO DICTUM, SAMBA DO CRIOULO DOIDO: HSJD em profunda crise à beira da falência (fechar) e gestores criam nova página na internet É de morrer de rir (VEJA O SITE) , mas o mais propício é chorar com a gestão hipócrita e irresponsável da empresa interventora, DICTUM, que o Ministério Público nomeou para administrar o Hospital São João de Deus, e depois renovou o contrato por m...

Atualizado ( Seg, 18 de Janeiro de 2016 12:41 )

Leia mais...
JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL